PALMEIRAS, 103 ANOS… E CADA VEZ MAIOR

……………

Coragem… muita luta… glórias… grandeza… honra… dignidade… títulos… craques, ídolos/lendas… uma torcida apaixonadíssima…  Palmeiras.

103 anos, hein meu “velho”? E que caminho lindo você vem percorrendo até aqui… Não há vento que te dobre, não há pedra que te impeça de caminhar… não há nuvem escura que consiga esconder por muito tempo o sol que brilha sobre você… Ser grande é o seu destino, caro mio, desde 1914…

103 anos… E a festa é dos que te amam… é nossa.

Hoje é dia de Tsunami Verde, hoje é dia de muito orgulho,  de muita alegria, é dia de coração em festa, de bolo, de vinho, cerveja, champanhe, Coca Cola, churrasco, macarronada, é dia de cachorro quente na Palestra Italia… é dia de pizza, belo! Dia de parmerada na rua vestindo o manto… Dia de amigos, abraços, sorrisos… Hoje é dia de comemorar a sorte de sermos “parmeras”… é dia de dizermos ao mundo o quanto somos felizes porque você existe, Verdão, seu lindo. Dizer que é um orgulho enorme trazermos o seu nome do lado esquerdo do peito.

Palmeiras, dos torcedores cornetas e não cornetas, que brigam o ano inteiro uns com os outros e, no Allianz, comemoram a conquista de um campeonato chorando juntos, abraçados, como amigos, como irmãos que são.

Palmeiras, dos brasileiros, japoneses, portugueses, espanhóis, americanos… que falam “ma che cazzo” e dos italianos que falam “É nóis”…

Palmeiras, que une tantas raças, tantas cores, tantos credos,  num só coração, numa só família…

Palmeiras, que nos dá coisas que dinheiro nenhum do mundo pode comprar…

Palmeiras, do goleiro santo, que toma café durante uma partida… dos maravilhosos gols por cobertura, que soterram o orgulho do rival… do goleiro que faz gol de título… do zagueiro que faz gol e dá cambalhota… do gigante artilheiro que marca, desarma, faz gol e dança… do profeta que abre o caminho dos gramados… do soldadinho de chumbo, guerreiro… Palmeiras, do menino Jesus…

Palmeiras, que acredita na força da calça vinho…

Do Allianz Parque sempre cheio pela “novidade” que já dura três anos…

Palmeiras, “fonte da juventude” dos jogadores e nossa…

Palmeiras, do “Hino Nacional” palestrino… das conquistas épicas, inesquecíveis…

Palmeiras/Verdão/Palestra/Alviverde Imponente, que é meu, é seu, é nosso… é da torcida que nunca para de cantar.

Palmeiras, 103 anos… E cada vez maior.

Aaaah, grazadeus!!!

Parabéns, Palmeiras! Obrigada por tanto!!
TE AAAAAAAAAMOOOOOO!!! 🎂🍾🎉💚💚🐷🌴