PODE CHEGAR, FELIPE MELO, A GENTE PÕE MAIS ÁGUA NO FEIJÃO

Desde os últimos meses de 2016, as especulações sobre contratações apontam nomes e mais nomes que estão chegando e saindo dos clubes. Claro que a maioria delas é só ‘adivinhation’ mesmo – em 2015, Dudu era do “lava-jato”… . em 2016, o Santos já tinha tudo acertado com o Guerra…

E em relação ao Palmeiras, que é o clube com mais ‘bala na agulha’ atualmente, a imprensa especula (inventa?) e já enche de defeitos os mais badalados prováveis futuros jogadores a vestir a verde mais campeã do país.

Como estão fazendo com Felipe Melo, por exemplo. Dizem que Palmeiras, São Paulo e Flamengo disputam a contratação do jogador da Internazionale de Milão (Felipe Melo já disse em seu perfil no Twitter que não houve contato algum do Flamengo). E praticamente afirmam que ele virá para o Palmeiras – lá na Itália dizzem que o destino do atleta deve ser mesmo o Brasil.

Eu não sei se Felipe Melo virá para o Palmeiras, como afirmam os especuladores de plantão, não sei nem se o Palmeiras tem mesmo interesse nele – nem estou preocupada com isso -,  mas estou começando a achar que as especulações são verdadeiras, só pelas tintas escuras com que querem pintar o jogador – se ele estivesse indo para qualquer outro clube que não o Palmeiras, certamente as tintas com as quais o pintariam seriam as mais claras e  brilhantes possíveis – lembram do Jonas, o “Schweinsteiger do Sertão”? Então…

“Ainnn, mas o Felipe Melo é muito violento”, diz um monte de gente (até mesmo ex-jogadores violentosestão dizendo isso). É muita hipocrisia dessa press… Parece até que o Palmeiras está/estaria contratando “Godzilla” Mas será que é do jeito que estão pintando?

Felipe Melo jogou no Brasil por três clubes diferentes, Grêmio, Cruzeiro e Flamengo, no período de 2001 a 2004, em campeonatos brasileiros, atuou em 76 partidas e recebeu 17 cartões amarelos (média 0,22)  e dois vermelhos (0,02).

GRE (2004)…………….19 jogos…….7 Amarelos…….2 vermelhos

CRU (2003)…………….31 jogos…….7 amarelos…….0 vermelho

FLA (2001/02/03)…..26 jogos…….3 amarelos…….0 vermelho

Nada demais, não é mesmo? Muita gente, que agora o acha tão violento, fazia pior quando jogava…

Mas esses são números do Brasil, e no Brasil, dependendo do clube onde o jogador atuar, as arbitragens deixam o sujeito ser violento à vontade, agredir à vontade – está aí o Fagner, que não me deixa mentir; agride um monte de adversários, mas não recebe todos os cartões vermelhos – nem amarelos – que merece.

Vejamos, então, como Felipe Melo se saiu, em relação à disciplina, atuando em Ligas europeias, onde os árbitros costumam ser bem mais rigorosos.

De 2004 à 2016,  foram 317 jogos  /  105 amarelos (média 0,33)  /  13 vermelhos (média 0,04)

Período…….Clube…………………….Jogos……..Amarelos………..Vermelhos

2004/05 –    Mallorca———————- 8 —————–1……………………..0
2005/06 –    Racing Santander—— 33 —————11……………………..1
2006/07 –    Racing Santander—— 15 —————–5……………………..1
2007/08 –    Almería———————- 34 —————13……………………..0
2008/09 –    Fiorentina—————— 29 —————-13…………………….2
2009/10 –    Juventus——————- 29 ……………..11…………………….2
2010/11 –    Juventus——————- 29 ——————6…………………….1
2011/12 –    Galatasaray————– 36 —————–13…………………….0
2012/13 –    Galatasaray————– 26 ——————-6…………………….2
2013/14 –    Galatasaray————– 30 ——————-8…………………….2
2014/15 –    Galatasaray————– 20 —————–11…………………….0
2015/16 –    Galatasaray————– 02 ——————-0…………………….0
2015/16 –    Internazionale———- 26 ——————-7…………………….2  ( http://www.inter.it/en/squadra/G0970 )

15 vermelhos, na disputa de campeonatos nacionais, de 16 anos de carreira (em algumas temporadas passou zerado). Em competições da UEFA, foram 50 jogos e 18 amarelos. Com a selenike, foram 22 jogos, 6 amarelos e 2 expulsões.

Eu sei que Felipe Melo entra duro nas jogadas, com disposição, muitas vezes com muito mais disposição do que deveria, mas só porque ele pode acabar sendo jogador do Palmeiras, a imprensinha está fazendo o Felipe Melo parecer o Godzilla vindo da Europa, fica contando seus cartões amarelos e vermelhos como se ele fosse o grande homem mau do futebol mundial, e esquece de contar os de outros atletas.

Na Europa, por exemplo, Pepe, o brasileiro naturalizado português, já foi expulso 15 vezes…

Sérgio Ramos, do Real Madrid, já foi expulso 19 vezes…

Aqui no Brasil, Kleber, o “Gladiador”, já foi expulso 13 vezes na carreira…

Diego Souza, já recebeu 17 vermelhos na carreira (fora os que o juiz deixou de dar, como aquela pisada, com os dois pés, no Thiago Santos, no BRA 2016, por exemplo)…

Luiz Fabiano, pretendido agora pelo Santos (e ninguém fala que ele é violento), já foi expulso 20 vezes na carreira…

E o que dizer do brasileiro Fernandinho, do Manchester City , que foi expulso 3 vezes em seis jogos?

E temos ainda aqueles que são violentos pela própria natureza, e que nem sempre, e nem todos, são advertidos com cartões – Leandro Donizete é um desses casos, Fagner é outro. Em 2015, os mais violentos do Brasileirão, segundo votação de jogadores das séries A e B do campeonato, foram:

1º – Leandro Donizete/Atl-MG –  com 17, 4% dos votos
2º – Willians/CRU – 10,1% (Cometeu 74 faltas, recebeu 14 amarelos e 2 vermelhos)
3º – Rodrigo/VAS  – 10,1% (recebeu 12 amarelos e 2 vermelhos)
4º – Jonas/FLA – 9,2% (recebeu 8 amarelos e 2 vermelhos)
5º – Guiñazu/VAS – 5,5% (recebeu 9 amarelos e 1 vermelho)

Em 2016, foram eleitos como os mais violentos:

1º  Leandro Donizete/ATL-MG com 33,05% dos votos (“bicampeão” em violência. Foi contratado pelo Santos agora e ninguém associou o “violento” ao seu nome)
2º – Fagner/COR 11,01% (imagina se ele fosse punido todas as vezes em que agride um adversário?)
3º – Rodrigo/VAS  7,62%
4º – Edílson/GRE  4,23%
5º – Joel Carli/BOT 4,23%

Ainnnn, mas o Felipe Melo é violento…, afirmou um monte de gente, afirmou Zé Elias, em um programa de TV.

É mesmo, Zé Elias? Me conte como era no seu tempo…

 

zeelias-violento

zeelias-violento4

Como eu disse lá no começo da postagem, não sei se o Felipe Melo virá para o Palmeiras, não estou preocupada com isso (gosto muito dos volantes que temos aqui), e também não sei nem se o Palmeiras quer mesmo o jogador… mas, pelo tanto que essa possível contratação já está incomodando os torcedores rivais de imprensa, porque estão fazendo parecer que é Godzilla quem está chegando ao Palestra… estou achando que vai ser uma boa se ele vier, viu?

Pode chegar, Felipe Melo!! A gente põe mais água no feijão. 😉

 

 

 

  • Marco

    http://observatorioalviverde.blogspot.com.br/2017/01/os-piores-jornalistas-de-2016.html

    Eleição OAV
    “Troféu Língua Esportiva”
    Os piores da mídia em 2016

    1) O pior narrador:
    2) O pior comentarista:
    3) O pior repórter:
    4) O pior comentarista de arbitragem:
    5) O pior apresentador de TV:
    6) O pior Canal de TV:
    7) O pior produtor:
    8) O pior colunista:
    9) O pior bloguista:
    10) Que narrador você gostaria que nunca trabalhasse nos jogos do Palmeiras:
    11) Que comentarista você gostaria que nunca trabalhasse nos jogos do Palmeiras:

  • Arnaldo

    Olá Tânia, … mais uma vez, Feliz 2017.

    Entendo sua colocação, … mas eu não aceito esta contratação e só posso torcer por F. Melo, pelo bem do Palmeiras. Eu preferia muito mais o Gabriel #18, jogador disciplinado, agregador e querido por todos, tão bom quanto este encrenqueiro que infelizmente foi anunciado ontem (06 Jan).

    Espero estar errado, mas creio que terminaremos com 10 jogadores várias partidas em 2017, inclusive as partidas decisivas da Libertadores.

    O tempo dirá…

    • taniaclorofila

      Arnaldo, penso que precisamos de jogadores com outro perfil para a Libertadores.
      Sei que o Felipe Melo joga duro, mas a fama dele – que é um bom jogador sim – é maior do que as infrações que ele cometeu. Cheio de jogadores aqui que tomam 2 vermelhos num mesmo Brasileirão, cheio de jogadores aqui que tomaram mais cartões vermelhos do que ele. E nenhum deles tem a fama de “violento”. Vê se alguém fala que é fria o Santos querer o Luís Fabiano? E olha que esse dá mais botinada do que faz gols (que é a função de um atacante). Vê se alguém fala do Fernandinho, lá na Europa, com 3 vermelhos em 6 partidas?
      Fagner, por exemplo, é extremamente desleal, agride os adversários em muitas partidas e não tem histórico de cartões. Mas o Gabriel Jesus levava vários, até quando levava cotovelada na cara, sobrava cartão pra ele tb.
      Se o Palmeiras trouxesse o Messi, que só tomou um vermelho na vida, a juizada ia dar cartão pra ele aos montes, e achar jeito de expulsá-lo algumas vezes.

      E, se caso o FM se tornar um transtorno, como você e muitas outras pessoas imaginam, certamente ele sairá do time… o departamento de futebol agora é muito mais cuidadoso e criterioso.

      Quanto ao Gabriel, não dá para o Monte Azul (na verdade, os empresários) fazer uma proposta de 5 milhões e depois mudar de ideia e pedir 17, né? Ele é bom jogador, gosto dele pra caramba, também queria que ele ficasse, mas pra quem vai ficar muitas partidas no banco (e ele ficou em 2016), 17 milhões é muita coisa, né? Cresceram o olho na grana do Palmeiras… e agora vão ter que deixá-lo ir para qualquer clube por muito menos, porque ninguém tem essa grana pra pagar.

      2017 promete ser um bom ano pra nós. Vamos torcer…