JÁ VI ESSE FILME.. E É REPRISE DO PAULISTÃO

“Todo e qualquer time tem o direito de ganhar, perder ou empatar os seus jogos pelos seus próprios méritos, ou deméritos. Um árbitro não pode interferir nisso, ainda mais em uma final… isso seria como um assalto, cuja arma seria o apito”  – Tânia Clorofila

A PF deveria fazer uma limpa no futebol brasileiro. Uma Operação “Apito a Jato” cairia bem por aqui… porque a coisa tá feia… as arbitragens acabaram de fazer o campeão do “Edilsão 2015” e está parecendo que querem fazer o da Copa do Brasil também.

O Palmeiras conseguiu o feito inédito – ou será que foram as arbitragens mandrakes que se superaram? – de ser garfado por dois árbitros diferentes numa mesma partida. Luís Flávio de Oliveira, nosso velho “conhecido”, operou o Palmeiras, sem anestesia, e numa final de campeonato – passou mal depois (aposto que não foi de remorso), foi substituído, e o seu substituto, Marcelo Aparecido de Souza, terminou de fazer a lambança. Foi a primeira vez  que um “jogador itakera” foi substituído num Palmeiras x Santos.

Entre outras coisas (falta violenta em Jesus, sem nenhuma punição para o agressor; cartões amarelos para o Palmeiras por qualquer motivo; Ricardo Oliveira apitando a partida (será que é parente?), Lucas(PAL) expulso – pelo árbitro substituto -, mas Lucas Lima(SAN) que acertou a cara do nosso Lucas antes, continuou em campo e nem amarelo levou), “Mr.Magoo” Oliveira deixou de marcar um pênalti absurdo e escancarado em Barrios, e de expulsar o zagueiro do Santos pelo pênalti cometido. Isso mudaria completamente a partida, não é mesmo? É assim que fazem o resultado de muitas partidas. Por causa disso, e só por causa disso,  o Palmeiras saiu derrotado da Vila Belmiro pelo placar de 1 x 0.

Foi tão escandaloso o pênalti que praticamente toda a imprensa esportiva – até a rgt –  confirmou que Barrios fora mesmo tocado por trás pelo zagueiro santista, quando entrava na área com clara chance de gol. Na Band, até o Neto confirmou o pênalti. E quando até o Neto afirma que foi pênalti para o Palmeiras, é sinal  que o lance teve até “tiro” e “facada”…

Porém, apareceram alguns legitimadores do erro do árbitro – o que acabou servindo de senha para que boa parte da opinião pública desse o veredito de lance normal, e as reclamações dos palmeirenses parecessem infundadas – é sempre assim.

Na Fox, foram dois jornalistas “destemidos” e familiares e um ex-árbitro a contestar o lance. Um dos jornalistas, diria que “houve o atropelamento, mas não houve o pênalti” (Santa falta de senso, Batman); o outro, depois de ser muito contestado por torcedores, por ter afirmado que não havia sido pênalti, acabou dizendo que o lance foi polêmico e, portanto, não se poderia culpar o árbitro (tô bem na fita com todo mundo, benhê! E em cima do muro!).

MuroBeting

Já o ex-árbitro, Simon – aquele, que operou o Brasiliense diante do S.C.Itaquera, numa final de Copa do Brasil, e que também operou o Palmeiras num campeonato brasileiro, diante do Fluminense, invalidando um gol de Obina, porque ele “teria cometido pênalti” (no jogador que o agarrava por trás) – afirmou com todas as letras que Barrios tropeçara em sua própria perna.

Apareceu até o Chefe da Arbitragem, Sérgio Correia, para, baseado em uma imagem(!?!?), dizer que o lance fora legal e que Barrios tropeçara. Ele declarou: “Por essa foto dá pra ver claramente que Barrios tropeçou”. Por essa foto? Como assim? Tem que ver o vídeo! Se a avaliação do Chefe de Arbitragem é nesse nível tão “profissional”… imagina a arbitragem como é, né?

Roubo-CopadoBrasil-SergioCorreia

Quantas afirmações equivocadas, equivocadamente formando opiniões…

Vejamos o quanto Barrios “tropeçou”, o quanto “foi polêmico” o lance, o quanto esse “atropelamento não foi pênalti”, o quanto ele “foi Pelé em chutar a própria perna”… Vamos ver o vídeo que o Sérgio Correia tinha por obrigação ver, mas parece não ter visto…

A penalidade é incontestável e, depois desse vídeo, só continuarão a negá-la os que forem deficientes visuais, intelectuais ou muito mal intencionados…

Precisa desenhar?

Barrios foi tocado em seu pé direito, depois, em sua perna esquerda e, pra arrematar, foi pisado em seu pé esquerdo… um pênalti três em um… e o corintiano Oliveira não viu, o bandeira também não, nem o quarto-árbitro (que sempre costuma “apitar” em nossos jogos), não apareceu nem um delegado “baluta”, ninguém se valeu de imagens externas para “soprar” para o juiz…

Como se já não bastasse o que o Ceretta fizera na final do Paulistão (na mesma Vila Belmiro, diante do mesmo Santos)… O PALMEIRAS FOI GARFADO NA FINAL DA COPA DO BRASIL TAMBÉM!

Na conta de quem vai ficar isso, eu não sei. Mas sei que tinha que ter punição, e severa, para um árbitro que faz um resultado de partida, com o agravante  de ser uma final. O Palmeiras tem que processar os responsáveis por isso, não pode aceitar isso passivamente. É muito fácil prejudicar um time e ficar tudo por isso mesmo… ficar tudo na conta do erro. Depois, basta aparecer um torcedor profissional de imprensa e sair com essa pérola:

“O Palmeiras não tem o direito de colocar a conta do resultado no erro da arbitragem, porque não jogou nada” – Carlos Cereto

Veja só…  se um time não jogar bem, não pode reclamar de ter sido prejudicado pelo árbitro? De onde essa pessoa tirou essa pérola? É a “legitimação do estupro”…

Uma mulher não pode reclamar de ser estuprada porque saiu na rua de saia curta e blusa decotada, e o Palmeiras não pode reclamar de ser roubado, NUMA FINAL, porque jogou mal…

Jogou mal sim, mas só saiu derrotado por causa do árbitro.

As arbitragens, são péssimas, horríveis, tendenciosas; a imprensinha, parece que vai pelo mesmo caminho…

E O PALMEIRAS… FOI GARFADO NA VILA BELMIRO, DE NOVO!

  • Arthur Carvalho

    E o mesmo Cereto diz que rodada sem curintia não tem a menor graça, o gambazek responde: fala isso no ar que você vira meu heroi

    • taniaclorofila

      Esses são alguns dos formadores de opinião, dos que fazem vc ficar com raiva dos jogadores do seu time (sempre do melhor do time), os que legitimam os “erros” de arbitragem que o seu time sofre, os que ignoram/ignoraram a roubalheira no Edilsão 2015…
      A imprensinha tupiniquim.

  • Paulo Rogério Almeida

    No Paulistão nós tivemos um pênalti escandaloso em cima do Rafael Marques na partida do Allianz Parque. Onde o sr Vinicius Furlan ignorou completamente!
    Na segunda partida, o SANTISTA, Guilherme Ceretta de Lima entrou para fazer uma arbitragem cirúrgica diante do Palmeiras. Qualquer jogador do nosso meio campo que reclamasse, falasse ou cometesse uma falta simples, ia levar amarelo. E foi logo nos que podiam fazer algo contra o seu time de coração. Gabriel, Valdivia e Dudu… Aliás, os dois cartões que ele aplicou no Dudu foram bizarros, e pra “compensar” ele expulsou o Geovanio, num lance que não havia absolutamente nada. Sem esquecer do pênalti claro que ele ignorou diante do Vitor Hugo, onde ele tinha uma ótima visão e estava olhando de perto, não quis dar… Amarelou o Victor Ramos num lance que ele nem falta fez, ai, quando o Palmeiras conseguia o seu primeiro gol, ele simplesmente já tinha sua arma, o amarelo virou segundo amarelo numa falta que o Victor Ramos precisou fazer… em lance idêntico ao que o Ricardo Oliveira anteriormente tinha feito com Leandro Pereira, arbitragem pra lá de cirúrgica! Ah, sem esquecer o pênalti sobre o Valdivia no segundo tempo… Roubou de toda forma, como sempre faz em jogos do seu time… apitou 4 partidas, nas 4 o Santos foi beneficiado claramente.
    E nessa quarta, o sr Luiz Flávio de Oliveira deixou de dar esse pênalti. Eu confesso, na hora, o lance para ele não tinha a nítida visão que temos girando o ângulo. Era mais lance do assistente, que tinha ótima visão. E dos sopradores que assistem via Tv e passam pano pro trio de arbitragem, mas interferência externa? Só com o time de verde! E sabe o que é engraçado? Se ele estava convicto que não foi pênalti, deveria ter aplicado o cartão amarelo ao Barrios por simulação. Como não aplicou, se vê que ele deve ter escutado no fone que errou.
    David Braz era pra ter sido expulso, nesse lance ou no início, quando bateu no nosso Gabriel Jesus e o tirou da partida. Falam do lance do Jackson, ok. Ele bateu sim no pastor, mas os jogadores do Santos fazem isso SEMPRE contra os nossos (como o Lucas Lima fez no nosso Lucas, ou como o Ricardo Oliveira fez no Fernando Prass no 1º turno do Brasileirão 2015)… e SEMPRE tem a conivência do trio de arbitragem. Como falaram, qualquer coisa os jogadores do Santos se jogam como se tivessem levado um soco. Deve ser isso que aprendem desde as categorias de base, e quando não é formado, ganha orientação por vídeo, só pode…

    Mas deixa eles, o que é deles vai chegar nesse dia 02 de Dezembro.
    O Palmeiras se sagrará Campeão, como de costume, contra tudo e contra todos!

  • Marco

    Dorival Jr. na tentativa de legitimar o assalto sofrido pelo Palmeiras na
    Vila, ironiza dizendo que deveríamos acrescentar no DVD os jogos contra o
    Fluminense.
    Ele tem toda razão e agradecemos a sugestão. Assim poderemos mostrar:

    Primeiro jogo

    Carrinho por trás do lateral Marlon em Fernando Prass, logo no início da
    partida. O jogador carioca não foi expulso, recebeu apenas o amarelo.
    Gol mal anulado do Amaral por impedimento inexistente.

    Segundo Jogo

    Na penalidade marcada pelo auxiliar em infração continuada sobre Gabriel
    Jesus, Wellington Silva não foi expulso por situação clara de gol.
    Penalidade sobre Lucas Barrios, quase em cima da linha de gol e não
    expulsão do zagueiro carioca.
    (parece que não é permitido marcar penalidades sobre o nosso
    argentino-paraguaio!)

    Sr. Dorival, tenha ao menos vergonha na cara e aproveite a enorme
    oportunidade de ficar calado para que não sejamos forçados a duvidar da sua
    conduta pessoal.

  • Fernando São José do Rio Preto

    Tânia, estes narradores e comentaristas disfarçados de verdadeiros torcedores são a escória da imprensa esportiva, não existe imparcialidade alguma, dá nojo em ver e ouvir estes maus-caracteres. Querer brigar contra a imagem é surreal, justificar como o canalha Ceretto disse é ser acéfalo, como pode uns caras destes ocuparem o meio de comunicação que ocupam? Continuo acreditando e venceremos a tudo e todos, daremos a volta olímpica no Allianz Parque, a verdade é luz e dela não tem como fugir, quero ver a cara destes safados qdo erguermos a taça da copa do brasil.

  • Alexandre Ferreira

    Belo texto Tânia, seu blog deveria ter mais leitores.
    Esses lixos da sportvgamba, são tudo torcedor do time do governo, sem mais.

    • taniaclorofila

      Obrigada, Alexandre.

      Como eu converso bastante com os torcedores no FB e no TT, os comentários sobre determinados assuntos acabam ficando por lá. Mas o blog tem muitos leitores sim.

      E vc tem razão, esse “profissionais tão gabaritados” são mesmo torcedores do time rival ao nosso.