E A PRESS NÃO DESISTE…

SporTV-entrevista

Eu não poderia deixar de registrar aqui, algo que aconteceu na quinta-feira, quando o Palmeiras enfrentou o São Bernardo.

Após o final da partida, com tanta coisa bacana que aconteceu com o Palmeiras em campo, com a vitória – quase a classificação -, com dois gols lindos (Kardec e Valdivia), com uma apresentação brilhante do Mago, do time, o repórter André Hernan, do SporTV (tinha que ser do SporTV), foi perguntar ao Mago sobre o cartão amarelo, o terceiro, que ele tomara nos útimos minutos da partida, depois de cometer uma falta.

Já não bastava ter sido  iniciativa do SporTV, aquela presepada armada para Valdivia ser punido em 2013 (o único jogador na história do futebol brasileiro a pegar um gancho, graças à colaboração de um programa de TV, por forçar um cartão amarelo), e, agora, seus repórteres farão marcação cerrada a cada vez que ele (e só ele) tomar um terceiro cartão? Isso já é perseguição.

Mas o Mago, na quinta-feira, estava num dia de muita inspiração fora de campo também…

Repórter: Valdivia, qual o tamanho do alívio de saber que você vai voltar e não vai estar mais pendurado?

Valdivia: Você pensou quanto essa pergunta? (Essa é a pergunta perfeita para ser feita para um bom número de profissionais de imprensa)

Repórter: Tô perguntando porque você foi lá, fez a falta no jogador, faltando poucos minutos pra terminar (Será que tem alguma regra ditando que só se pode cometer uma infração se faltar bastante tempo para acabar o jogo?)

Valdivia: Não pode fazer falta?

O repórter, que talvez tenha imaginado que o Mago acabasse confirmando o que ele parecia querer que fosse confirmado, ficou meio sem graça com a resposta, deu um tempinho, mas pareceu tentar “pegar o Mago de calça-curta” numa segunda pergunta:

Repórter: O Palmeiras está na frente dos adversários? (e nada sobre a partida, sobre como a vitória foi construída…) 

Valdivia: Sim, nós estamos em primeiro e eles não.

‘HAT-TRICK’ DO MAGO! E assunto encerrado!

Assunto encerrado? Que nada. Mais tarde, quando Valdivia saía do vestiário para ir embora do Pacaembu, lá estava o repórter do SporTV, de novo querendo saber sobre o terceiro cartão (e nada de perguntar sobre a partida, sobre a boa atuação de Valdivia…). Estranho que o tal repórter, e todos os outros, não se preocupem com terceiros cartões de mais nenhum jogador, não é mesmo?

Repórter: Deixa eu só voltar num lance, que eu te perguntei lá no gramado, e você ficou até um pouco irritado (mesmo assim, ele foi perguntar outra vez. Será que ele queria irritar o jogador? Não, Sim ou Com certeza?), essa questão de cartão, aquilo que aconteceu no STJD, isso acaba te irritando? É isso? Me fala um pouco do lance em si (o cara parecia querer que o Mago falasse que forçara o cartão, tal qual ele, repórter, imaginava que tivesse sido).

Valdivia: Bom, primeiro, eu não fiquei irritado pela pergunta. Só achei estranho que a primeira pergunta fosse direcionada ao cartão. (eu também achei, viu Mago?). Eu tinha feito gol, a gente tinha ganho, depois de uma derrota, acho estranho que, vocês, na primeira pergunta que seja feita, é relacionada ao cartão (Né?)… o cartão foi lance normal.

Mas o moço não se dava por vencido e insistia (se está entrevistando o jogador, fez a pergunta, ele respondeu que não, é não)…

Repórter: Gostaria de perguntar… desculpa, até vou te perguntar, porque eu fiz a pergunta, né? Perguntei pela proximidade do lance, que aconteceu no finzinho de jogo… eu queria que você falasse do lance…

Valdivia: Bom, da próxima vez, eu vou fazer (a falta) no minuto um… tomara que eu faça um gol, e tenho certeza que a primeira pergunta de você vai ser a mesma.

Bingo, Mago! O problema é a intenção que está por trás da pergunta, da insistência toda, e também a incapacidade da maioria desses repórteres para fazer perguntas e pautas melhores. O problema é tentarem sempre te complicar (pelo menos, é a impressão que dá), e fazer parecer malandragem sua, o que é malandragem no futebol brasileiro desde sempre. Sem contar que você, com a sua enorme visibilidade, dá uma audiência e tanto.

Fica esperto com esses caras da Press, Mago! Estamos todos de olho neles. A maioria é gambá e ainda não esqueceu o chororô…  😉

http://globotv.globo.com/sportv/futebol-nacional/v/valdivia-ironiza-possivel-malandragem-em-cartao-amarelo-nao-pode-fazer-falta/3179602/

http://globotv.globo.com/sportv/redacao-sportv/v/valdivia-se-irrita-com-pergunta-quando-falo-de-stjd-unico-a-ser-punido-sempre-sou-eu/3180443/

  • Daniela Oliveira

    Adoreii sua matéria e concordo com essa perseguição q a imprensa, principalmente esses repórteres do SporTV, faz com o Valdivia!!!
    Nesse jogo ele jogou mt bem e a primeira pergunta, ao invés de ser relacionada ao grande jogo q ele fez e o lindo gol, não foi sobre o cartão…Afff ridículo!!!
    E o melhor foi que ele soube responder direitinho a esse repórter ridículo!!!
    #AmoMago #ForzaPalestra

    • taniaclorofila

      Verdade, Daniela.
      Com tanta coisa para ser perguntada…
      E o que é pior, e deu muito na cara, ele não desistiu; mesmo depois de ter sido respondido, foi lá na saída do vestiário pra falar sobre a mesma coisa.

  • Gaetano

    E pensar ainda que se insistirmos vão nos chamar de clubistas…

    • taniaclorofila

      Por isso, sempre faço questão de “anexar as provas”, Gaetano.
      Se fosse clubismo, elas não existiriam.

      • Gaetano

        Por isso que acompanho seu blog! Você ama o nosso clube com equilíbrio e bom senso. Tem opiniões claras, com personalidade. Não é bipolar, como muitos. Não tem posicionamento político como temos notado, ultimamente e valoriza o talento de que tem no nosso grupo.

  • BDLEED

    Adorei o post, claro, direto e reto. Saudações Alviverdes sua linda rs!

    • taniaclorofila

      Obrigada, BDLEED. E saudações alviverdes pra você também, seu lindo! rsrs

  • Marco

    A deficiência do jornalismo esportivo hoje não é técnica, é moral.

    Cabe à torcida do Palmeiras e mesmo ao clube saber enfrentar esse segmento do meio esportivo que se posiciona claramente de maneira mal intencionada, constantemente. Não se trata de uma simples entrevista, mas de uma política definida de menosprezo ao Palmeiras.

    Tornou-se comum a imposição de conceitos negativos sobre o Palmeiras que se tornaram imagens consolidadas pela ingenuidade do nosso torcedor. Nossos jogadores e nossos elencos são sempre fracos, os demais tem sempre mais qualidade e condição e o Palmeiras nunca passa do patinho feio. Tudo sem contar nos julgamentos por imagem, pressão sobre arbitragens e justificativas para os erros contra o time.

    O clube por meio de sua direção e Assessoria de Imprensa respondendo quando for o caso e orientando seus profissionais e a torcida abrindo os olhos para ser massa de manobra e não ajudando no jogo sujo. Reações como deste blog deveriam ser prática de rotina entre os nossos torcedores.

    • taniaclorofila

      Marco, vc disse: “… saber enfrentar esse segmento do meio esportivo que se posiciona claramente de maneira mal intencionada, constantemente. Não se trata de uma simples entrevista, mas de uma política definida de menosprezo ao Palmeiras.”

      E é isso o que me incomoda. Se o Valdivia jogasse nos gambás, bambis ou nos urubus, seria EL Deus Valdivia. Mas, o crime dele é ser um baita craque, o melhor 10 do país e JOGAR NO PALMEIRAS, e isso é crime inafiançável para esses escrotos “torcedores profissionais de imprensa”.

      Perseguiram outros, em outros tempos, e farão isso no futuro também. Pena que parte da nossa torcida não se dê conta disso.

  • taniaclorofila

    Obrigada, Gaetano.
    Por ser apaixonada pelo Palmeiras, procuro tomar mais cuidado ainda para que as minhas reclamações em relação à imprensa não sejam apenas fantasias da minha cabeça de torcedora, para que eu não escreva textos sobre coisas que vi, sem que elas realmente existissem. Para que aquilo que levo até as pessoas que me leem tenha credibilidade.
    Os que prejudicam o Palmeiras há tanto tempo, sempre se escondem no chavão “torcedores lunáticos”. Não somos lunáticos. Lunáticos são os torcedores que compram o que a imprensa vende – com segundas, terceiras e quartas intenções -, sem nem mesmo pensar a respeito, sem se questionar se aquilo é mesmo verdade, se é do jeito que fazem parecer ser.

    Quanto ao posicionamento político, eu tenho sim, só não costumo trazê-lo sempre para o blog. Apoio a administração atual (espero que PN seja candidato outra vez e se reeleja), faço parte da Chapa Academia, um grupo formado por palmeirenses maravilhosos, que trabalham muito pela SEP (sem intenção alguma de aparecer), e que foi o grupo político que apoiou a candidatura de PN desde a eleição anterior. Mas, esteja quem estiver na cadeira presidencial, eu não vou brigar com o Palmeiras, não vou deixar de torcer, de apoiar o time e os que vestem a nossa camisa. Foi assim na desastrosa administração passada, nas anteriores, é assim agora e vai ser assim sempre.

  • ednei christ junior

    Bom dia Tania.No outro dia no Redação Sportv,onde fica o cerne da press gambá,o tal de Cereto(que acha que é alguma coisa no esporte,haja visto como se posiciona no microfone,com empáfia de um sábio,fato que se encontra muito longe dele(vide comentários medíocres e sem base ,como de papagaio que repete)disse que o Valds(gosto de chama-lo assim ,como minha filha o chama)não deveria quere pautar a imprensa e que a pergunta cabia e quem é o Valdivia.Esse bossal,junto com o Rezek(que após o bate bola seu com ele no Twiter0ficou mais pianinho,mas tenho certeza que como bom covarde que é fica dando dicas aos repórteres do Sportv,de como irritar os jogadores do maior de todos,SEP.Vale a pena ficar de olho.
    Abraços

  • Carlos Maccari

    Ótimo post. Como todos os seus. Vc coloca nossa emoção neles. Parabéns e continue assim. Um único pedido: Publique-os com mais frequência.

    • taniaclorofila

      Obrigada, Carlos. Tamojunto!
      Eu sei que não tenho publicado com frequência, e que fico devendo aos leitores. Mas prometo que vou resolver uns probleminhas particulares e voltar a postar mais regularmente, tá?

  • EDNEI CHRIST JUNIOR

    Parabéns Tania pelo” espaço democrático’,afinal comentamos mas não vemos o nosso comentário.eSPERO NÃO TER ATRAPALHADO

    • taniaclorofila

      Ednei, os comentários precisam ser liberados para aparecerem no blog. E a moderação se faz necessária para que não entrem os muitos comentários que recebo de torcedores rivais, com xingamentos ao Palmeiras e às coisas do Palmeiras. Este espaço não é deles, e sim do torcedor palmeirense.
      O seu primeiro comentário foi parar na lista de spam (não sei porque), e só o achei agora, depois da sua reclamação.
      Mas já está publicado, e concordo com vc, o Cereto, prepotente, metido a besta, foi algo lamentável de se ver e ouvir.
      Esses jornalistas esportivos, que precisam dos clubes e jogadores para poderem trabalhar e ganhar seus salários, juram que são os clubes e os jogadores que precisam deles…

  • Marco

    Oitavas de final da Copa do Mundo:
    Brasil (1º do Grupo A) x Chile (2º do Grupo B)
    Brasil eliminado pelo Chile de Valdívia, com gol dele. Seria um cala boca sem tamanho para gambapress!

    • taniaclorofila

      Marco,

      Se sonhar ajudar a acontecer… tô sonhando com isso. Adoraria que acontecesse!!

  • Fabrício Lopes

    Olá !

    Meu nome é Fabrício e sou torcedor do Palmeiras,desde garoto
    sou apaixonado por narração esportiva e ultimamente venho postando vídeos dos
    jogos do Verdão com a minha narração.Ficaria muito grato se vocês assistissem e
    dessem a opinião de vocês sobre o meu trabalho,afinal de contas a opinião de um
    blog tão grande irá contra muito pra mim !

    Segue o link do último vídeo:

    Obrigado pela atenção !

    Grato,Fabrício

  • WASHINGTON

    SIMPLESMENTE O MELHOR BLOG DA FAMILIA PALMEIRENSE. PRECISAMOS DE GENTE COMO VOCE PARA NOS REPRESENTAR . ABRAÇOS;

    • taniaclorofila

      Obrigada, Washington.
      Um abraço!

  • Crux

    É inadmissível esse monopólio da transmissão de futebol. Por isso que, sempre que posso, prefiro ver o Palmeiras na ESPN ou no Fox Sports (especialmente lá: o único canal que descaradamente trata o Palmeiras como merece. A ESPN de vez em quando eu acho que escorrega, mas no geral está longe do nível Globo).

    Sonho com o dia em que as coberturas do futebol daqui serão que nem das grandes ligas americanas: TVs concorrendo entre si. Pena que aqui se acha que o monopólio é bom pro consumidor, e não pro monopolista…

    • taniaclorofila

      Eu tb acho que a ESPN dá umas boas escorregadas, de vez em quando.