CLOROFILA AWARDS 2013

Essa premiação deveria ter acontecido em 2013, no final de Dezembro pra ser mais exata, mas esperei a FIFA entregar os seus prêmios primeiro, porque, caso o Blog da Clorofila entregasse os seus troféus antes da entidade máxima do futebol, seria capaz do FluminenC encontrar alguma irregularidade nisso, se valer do STJD e da cegueira proposital da CBF, para impugnar o CLOROFILA AWARDS 2013*.

Todo ano é a mesma coisa, um monte de gente da área esportiva, que “esquece” de ser profissional e veste a camisa dos seus times na hora de noticiar, escrever, comentar sobre o Palmeiras; todo ano tem a juizada enfiando o garfo no Verdão (até na série B!!), e todo ano tem o STJD, a Capitania Hereditária do Futebol Brasileiro (passa de pai pra filho), fazendo absurdos com o Palmeiras e com os jogadores do Palmeiras, inventando até punições exclusivas para os nossos atletas,  todo ano tem os promotores do Tribunal de Justiça Desportiva achando que são eles, e o que eles pensam, a própria Justiça (no final de 2013, eles jogaram no lixo o resto de decência que havia no futebol brasileiro) … tudo com a “legitimação” dos fatos pela Press e com as bençãos da CBF (Confederação Brasileira do FluminenC).

E toda essa encheção de saco, não poderia deixar de ser reconhecida.

Vamos à premiação!

TROFÉU JUMENTO-FALANTE

Ele é cheio de profetizar contratações (Ganso – de multa paga -, Seedorf e Tevez no Corinthians (Seedorf já está até aposentado); vende todo mundo do Palmeiras e nunca acerta uma. Já tinha colocado o Felipão no FluminenC, colocou o Valdivia umas três vezes no Flamengo… na mais recente invenção, no final de 2013, cravou a saída do técnico Gilson Kleina, mas o Kleina continua no Palmeiras, “lindo, loiro e japonês”.

Sem contar a insistente (por que será?) ladainha do custo x benefício do jogador Valdivia (custo x benefício, convenientemente esquecido, quando o jogador é o Pato, o Luís Fabiano, o Ganso, o Renato Augusto – que jogou menos partidas do que o Mago em 2013); sem contar  o clubismo no lugar do profissionalismo, e as abobrinhas ditas na TV – já falou mal até do Marcos -, que enchem o saco de quem assiste jogo na Band quando ele é o comentarista. E assim, ele faz com que nos lembremos daquele companheiro do Shrek no desenho infantil (que, na verdade, dizia menos bobagens que a nossa televisiva personagem).

E é por isso que o vencedor do “Jumento-Falante 2013”, na categoria “Abobrinhas na TV”, não poderia ser outro. Quer uma dica? “O Luan até parece que tem dois pulmões”. hahahah Matou, né? É ele mesmo!

Parabéns, Neto, o prêmio é seu!

Clorofila-Awards-Jumento

____________________________________________________________________________

TROFÉU “PALHAÇO DE OURO” e  TROFÉU “TELEFONE MODELO X9”

E por falar em clubismo no lugar do profissionalismo, um  jornalista se destacou no ano de 2013. Fazendo parecer que apenas exercia a sua função,  esqueceu o profissionalismo, “vestiu a camisa do seu time” e arranjou uma presepada para o Valdivia, do Palmeiras; bancou o dedo-duro e arranjou uma punição inédita para o jogador, por algo que sempre foi e é feito no Brasil: forçar um terceiro cartão amarelo.

Levaram o Valdivia ao programa na TV, lá abordaram o assunto dele estar pendurado, e o jogador, usando de sinceridade (nem imaginava que usariam isso para dedurá-lo depois), afirmou que pensava, sim, em forçar o terceiro cartão na partida seguinte, para poder servir à seleção de seu país sem prejuízo ao Palmeiras. Tão logo terminou o jogo em que Valdivia tomou o tal cartão, o “jornaleiro”, num programa ao vivo, ligou para o STJD, só para perguntar qual seria a pena cabível para o jogador. Veja só, um jornalista (torcedor?) dar a dica/sugerir ao tribunal uma pena para um atleta (como se fosse da sua competência), é o cúmulo !!! E atleta do time rival ao seu!!

Criticado por isso, até mesmo por muitos colegas de profissão, o moço, que gosta tanto de telefonar , quando lhe convém, afirmou que a sua atitude de telefonar para o tribunal para questionar a pena cabível a Valdivia, era “missão do jornalista”. Mas, meses antes, quando o Paulinho, do Corinthians (o time para o qual ele torce), forçara um cartão, (fato devidamente noticiado pela imprensa e admitido pelo técnico Tite), ele não telefonou para o tribunal, não cumpriu a sua ‘missão de jornalista’… como não a cumpriu em nenhuma das outras “n” vezes, antes e depois disso, em que outros jogadores, de outros clubes, fizeram o mesmo.

Pela palhaçada, produzida em nome do jornalismo (coitado do jornalismo), pelo “migué” da missão jornalística, que esse moço cumpre de maneira ‘tão seletiva’, e pelo circo armado na TV para dedurar o Mago, ele mereceu dois troféus…

Parabéns, Gambazek!! O “Palhaço de Ouro” e o “Telefone modelo X9” são seus!

Clorofila-Awards-Palhaço1B

 

Clorofila-Awards-Telefone1

___________________________________________________________________________

TROFÉU “CARA-DE-PAU”

Quanta gente no mundo do futebol está gabaritada para ganhar esse troféu. Dirigentes, advogado e torcida do Fluminense, o advogado Sestário, o Marin, o Del Nero, o comedor de “s”, o Blatter, o Valcke (e seu sorteio mandrake da Copa), o Sheik, envolvido em contrabando, com mandado de prisão em seu nome, e falando mal de companheiros de profissão, falando em “exemplo”; a imprensa, vendendo o Corinthians, que deve 3 meses de salários, como o clube mais rico da América, e até a presidAnta – queimando dinheiro público nos estádios superhiperultramegafaturados – por causa da Copa… Esses todos podem se sentir premiados, mas, para o Blog da Clorofila, ninguém foi tão cara-de pau quanto ‘ele’, o mestre das desculpas esfarrapadas e do “dois-pesos-e-duas-medidas”…

“… vou analisar a situação do jogador Elias (pelo cartão amarelo forçado), ver qual foi a sua reação no momento. Valdivia riu quando tomou o cartão…”

EM 2010 … “Não acredito que haja condição moral, disciplinar, até (de tirar os pontos do Fluminense). Pode ter (condição) técnica. Técnica, jurídica, com base em uma jurisprudência. Mas moralidade… rediscutir o título que foi conquistado no campo de jogo, da forma como foi, agora (ao final do campeonato), abrindo um precedente… Essa decisão poderia ser em algum momento revista, mas isso seria um caos”. 

EM 2013 – “Essas expressões passam a ideia de canetada na calada da noite. Estamos falando em julgamento, processo. A lei é para todos, e não só para Flamengo ou Portuguesa . Se a legislação não for aplicada, é um desrespeito com dezenas de clubes e jogadores que cumprem suas obrigações nos campeonatos. Se todos os jogadores que tinham suspensões para cumprir na última rodada entrassem em campo, os resultados dos jogos poderiam ser outros.”

Parabéns, Ximit, ninguém foi tão cara-de-pau quanto você nos últimos tempos. O troféu  é seu, com méritos!

 

Clorofila-Awards-Caradepau

___________________________________________________________________________

TROFÉU “HONRA AO DEMÉRITO”

E se o promotor celebridade é o rei das desculpas esfarrapadas e do “dois-pesos-e-duas-medidas”, o tribunal, do qual ele faz parte, também. Quanta lambança eles fazem no futebol brasileiro! Denunciam e julgam clubes e jogadores como bem entendem, como se houvesse mais de um Livro de Regras e como se a sua lógica estivesse acima da verdadeira Justiça.

Fizeram o Palmeiras perder vários mandos de campo em 2013, e absolveram outros clubes, ou nem os denunciaram, pelos mesmos motivos pelos quais o Palmeiras foi punido. Deram suspensões para jogadores do Palmeiras e, pelas mesmas infrações, inocentaram atletas de outros clubes (Valdivia pegou gancho pelo cartão amarelo forçado, mas Elias, do Flamengo, não).

Mas, terem tirado a Lusa da série A (ela conquistou isso em campo!!), para trazerem o FluminenC de volta da série B, onde ele foi parar pelo que fez em campo também, foi o cúmulo da pouca vergonha.

Como se fosse na historinha do gibi, Tio Patinhas viu a sua “moedinha da sorte” lhe ser subtraída pelos “Irmãos Metralha”, para ser dada à Maga Patalógica FuminenC (ô time sem vergonha e sem moral!).

Uma vergonha imensa para o já tão trambiqueiro futebol brasileiro. O STJD, ressuscitou o tapetão e assassinou a moral do maior esporte do país. Com as bençãos da CBF…

O troféu de “Honra ao Demérito 2013” só poderia ficar com a Capitania Hereditária da Justiça Desportiva (lá não há concurso ou exame para se ocupar, por mérito, o cargo de promotor).

Parabéns, STJD!  Vocês acabaram, de vez, com a decência do futebol brasileiro e deram um tapa na cara do torcedor, que paga para assistir jogos de campeonatos com cartas marcadas.

Clorofila-Awards-Metralhas

___________________________________________________________________________

TROFÉU “ALÔ RJ, AQUELE ABRAÇO”

O Tribunal arrebatou muitos prêmios do Clorofila Awards 2013 , e nem poderia ser diferente, dada a sua atuação durante todo o ano. Mas os promoAtores do tribunal deram um banho de interpretação na novelinha de circo barato que foi o julgamento da Lusa, transmitido ao vivo na TV. A predominância do “carioquês” entre promotores e advogados e as declarações de amizade pessoal entre alguns promoAtores e advogados já teriam, por si só, os gabaritado a este prêmio, mas, termos ouvido o celular de um deles tocar, durante o julgamento, e o toque de chamada ser o Hino do “Flameingo”  – o time que tem as trancinhas na cor certa –  fez com que fosse fosse unanimidade a nossa decisão…

Parabéns, promoAtores do STJD!! Vocês merecem essa premiação!

 

Clorofila-Awards-CRedentor1a

___________________________________________________________________________

TROFÉU “IRMÃOS CARA-DE-PAU”

E no Clorofila Awards 2013 a Capitania Hereditária da Justiça Desportiva é premiada mais uma vez. E desta feita, é um troféu para duas pessoas.

Uma delas, o pai, foi presidente do tribunal e a última coisa que fez por lá foi legitimar a grande embrulhada do Brasileirão de 2005, a maior vergonha do futebol brasileiro (ninguém pode provar, mas nem precisa, todo mundo sabe que o que aconteceu naquele campeonato – lembra do Tinga sofrendo pênalti e sendo expulso?). Depois que a coisa foi consumada, o  presidente sumiu de cena; o árbitro, que teria roubado as partidas que o presidente fez serem jogadas de novo, ficou livre, leve e solto. Não aconteceu nadinha com ele. O presidente de Comissão de Arbitragem também saiu de cena. O título, que deveria ter sido do Internacional-RS, com a lambança levada a cabo pelo tribunal, mudou para as mãos do time dos gambás, que com a MSI , sua patrocinadora, lavava dinheiro de crimes da Máfia Russa, num esquema denunciado por escutas telefônicas…

A outra pessoa, o filho, herdou do pai, como se fosse uma Capitania Hereditária, a presidência do tribunal, e assim como o pai fizera em 2005, presidiu o tribunal numa das maiores vergonhas do futebol brasileiro, e ressuscitou o odioso e vergonhoso “tapetão”, recurso dos que não têm competência. Tomaram a vaga da Lusa na série A e a deram para o incompetente, fracassado e desmoralizado FluminenC, que,  pela terceira vez, volta da série B no trambique, pelas portas dos fundos.

A presidência passou de pai para filho, e a esculhambação com o futebol Brasileiro também. Mas eles juram que fizeram o que tinham que fazer.

Por isso, esse troféu vai para eles…

PARABÉNS, “Ixveiter Pai” e “Ixveiter Filho”, o troféu “Irmãos Cara-de-Pau”, categoria “Lambanças em Família” é de vocês!

Clorofila-Awards-Irmãos-Cara-de-Pau1

___________________________________________________________________________

TROFÉU “PRIVADA DE LUXO”

Mas toda essa lambança no futebol brasileiro 2013, não poderia jamais ter acontecido, sem o “patrocínio” da CBF. E  ficamos nos perguntando se ela assiste passivamente essa armações todas, por estar pensando nas próximas eleições, ou se ela participa desse imbróglio todo exatamente por pensar nas próximas eleições.

O fato é que o futebol brasileiro, mesmo jogado no esgoto, faz com que a CBF fique cada vez mais poderosa, rica. Tão rica que, dizem (li no jornal), uma parte do que ela ganha em amistosos da seleção, vai parar direto na conta do presidente do Barça, que antes de ser presidente lá, era o representante  da Nike no Brasil, que por acaso é a patrocinadora da seleção brasileira e da CBF, assim como a Unimed, patrocinadora do FluminenC  – levado de volta para a série A no tapetão voador -, passou a ser patrocinadora da CBF também. Que coisa ‘enrolada’, né?

Parabéns, CBF! Por matar o futebol brasileiro, por jogar na privada o esporte mais popular do Brasil, arrecadando milhões. O “PRIVADA DE LUXO” é seu!

Clorofila-Awards-Privada1

 

___________________________________________________________________________

TROFÉU “PINÓQUIO”

E na premiação de 2013, não poderíamos esquecer de alguns boleiros ‘muy queridos’ nossos… houve um empate e dois serão premiados.

O primeiro é um atacante argentino, que fez muitos gols em 2012, que foi convocado pela seleção de seu país, e que prometeu pra torcida: “TAMOXUNTO em 2013”. Mas ele esqueceu as promessas,  e se achando bom demais para jogar a humilhante série B, se achando o último tango de Gardel,  foi em busca de mais visibilidade no Grêmio. O “Tamoxunto em 2013” era uma baita lorota, era mentira! A ‘Praga de Parmera’ o atingiu e seus gols sumiram, as convocações não chegaram e ele desapareceu. E enquanto isso, no Palmeiras, Mago, Henrique, Eguren, Leandro e Vinícius foram parar nas seleções brasileira, chilena, uruguaia, sub-20…

O segundo é, em minha opinião, um marketeiro de primeira.  Bom cobrador de faltas (mas nem sempre), que não marcava e nem corria em campo, mas querendo um belo aumento para jogar a famigerada série B, chorava (mesmo) amor ao time, dizia que queria ficar, iludia a torcida com um amor que ele não sentia pelo time (acho que esperando que ela pressionasse a diretoria a lhe dar o cobiçado aumento) e, enquanto pedia os tubos para o Verdão, pediu ao Santos menos da metade do que pedia aqui. Ficou no banco, não jogou niente, e agora está gabaritado a jogar dominó na praia.

Parabéns, Tamoxunto! Parabéns, Marketing Assunção. Vocês nos enganaram durante um bom tempo com as suas juras de amor. O “Pinóquio de Ouro” só poderia ir pra vocês!!

Pinoquio13b

___________________________________________________________________________

TROFÉU “BOLAS DE OURO”

E, excepcionalmente neste ano, que foi tão conturbado por alguns e para alguns, o Blog da Clorofila resolveu premiar uma pessoa do Palmeiras. Na verdade, nossos dirigentes todos são merecedores desse troféu…

 

Ele chegou pela vontade de todos, pelo desejo daqueles que confiavam em seu trabalho. Doze entre cada dez palmeirenses o queriam aqui, de volta. Mas, porque ele  veio pelas mãos do candidato eleito, os amigos do candidato derrotado passaram a vê-lo com os olhos do ressentimento e insuflaram a torcida contra ele. E, a partir daí, tudo o que ele fazia (faz) não presta, e qualquer torcedor acha que sabe como fazer melhor. Ele precisaria ser perfeito (quem é perfeito?) para agradar aos despeitados e ressentidos predadores.

Mas, apesar das adversidades todas encontradas, apesar da falta de dinheiro para trabalhar mais fácil, ele conseguiu montar um time com a pegada da série B, um time melhor do que o que tinha sido rebaixado em 2012. E o Palmeiras voltou e foi campeão. Agora, ele ainda continua sem ter o cartão de crédito ilimitado, que muitos torcedores exigem que ele tenha, mas, ainda assim, conseguiu trazer bons jogadores e uma nova e boa equipe está sendo montada para o centenário (imagino que mais gente ainda vai chegar).

E, para os descontentes, para a turma dos empregos perdidos, dos ingressos perdidos, das visitas ao CT interrompidas, das camisas que não podem mais ser autografadas e vendidas… para essas pessoas todas, nada serve. Nem mesmo a máxima de que torcedor torce pelo time sempre, mesmo quando ele não gosta do que vê. Na verdade, aí é que ele tem que torcer mais.

E é por isso, pelo trabalho feito até aqui, por smontar o time com jogadores comprometidos e satisfeitos por estarem no Palmeiras (com contratos de produtividade), que o Clorofila Awards 2013 dedica o trofeú “Bolas de Ouro” para José Carlos Brunoro.

Parabéns, Brunoro! Só tendo mesmo bolas de ouro para aguentar tanta encheção de saco! Sucesso em  2014!

Clorofila-Awards-BolasdeOuro

E aqui se encerra a premiação do CLOROFILA AWARDS 2013. Muito obrigada.

  • Angela Bonora Gamez

    adorei! deliciosamente verdadeiro! naõ deveria ser um texto leve, mas foi, mas que tudo o que você descreveu, com tanta propriedade foi muito verdadeiro!

    • taniaclorofila

      Apesar da mensagem em cada troféu, da crítica, eu queria que fosse algo para que nós, palmeirenses, nos divertíssemos.
      Já nos aborrecemos demais com esses “profissionais”.

      Beijo, Angela.

  • Angela Bonora Gamez

    adorei! deliciosamente verdadeiro! naõ deveria ser um texto leve, mas foi, mas que tudo o que você descreveu, com tanta propriedade foi muito verdadeiro!

    • taniaclorofila

      Apesar da mensagem em cada troféu, da crítica, eu queria que fosse algo para que nós, palmeirenses, nos divertíssemos.
      Já nos aborrecemos demais com esses “profissionais”.

      Beijo, Angela.

  • Gaetano

    Gostaria de infelicitar a todos os envolvidos.

  • Gaetano

    Gostaria de infelicitar a todos os envolvidos.

  • Marcello Monteleone

    Bem legal, parece até um oscar só que as avessas e todos fizeram jus aos prêmios!!!

    • taniaclorofila

      É isso mesmo, Marcello. Um “Oscar” do demérito!

  • Marcello Monteleone

    Bem legal, parece até um oscar só que as avessas e todos fizeram jus aos prêmios!!!

    • taniaclorofila

      É isso mesmo, Marcello. Um “Oscar” do demérito!

  • Jorgito Valdivia

    Yoo no siee se doy risada ou se lloroo jajajajajaja ficou muchoo feraa! Só poderia ser usted mesmo! Começando lo centenário con tudoo jajaja 2014 e nosso! Felicitaciones Clo, usted começou bien igual o verdon, com Kardec y cia! Besos

    • taniaclorofila

      Se eu te conheço bem, Jorgito, vc dá risada! hahahah
      Se Deus quiser seremos muito felizes em 2014.
      Obrigada, seu lindo! Love U! Beijão!

  • Jorgito Valdivia

    Yoo no siee se doy risada ou se lloroo jajajajajaja ficou muchoo feraa! Só poderia ser usted mesmo! Começando lo centenário con tudoo jajaja 2014 e nosso! Felicitaciones Clo, usted começou bien igual o verdon, com Kardec y cia! Besos

    • taniaclorofila

      Se eu te conheço bem, Jorgito, vc dá risada! hahahah
      Se Deus quiser seremos muito felizes em 2014.
      Obrigada, seu lindo! Love U! Beijão!

  • Corneta 3VV

    Taninha, parabéns pelo seu prêmio, impagável, inteligente e verdadeiro!

    • taniaclorofila

      Obrigada, Cunio!

  • Corneta 3VV

    Taninha, parabéns pelo seu prêmio, impagável, inteligente e verdadeiro!

    • taniaclorofila

      Obrigada, Cunio!

  • ednei

    Sensacional Tania! simplesmente sensacional.
    Ps: acessoria do ferrugem e do virso,está se estudando menção honrosa pra vocês.
    Abs

    • taniaclorofila

      Obrigada, Ednei!
      Não esqueci do “Virso”. Deixa ele comigo… rsrs

  • ednei

    Sensacional Tania! simplesmente sensacional.
    Ps: acessoria do ferrugem e do virso,está se estudando menção honrosa pra vocês.
    Abs

    • taniaclorofila

      Obrigada, Ednei!
      Não esqueci do “Virso”. Deixa ele comigo… rsrs