E A IMPRENSINHA NÃO SOSSEGA…

O Palmeiras venceu mais uma. Derrotou o Asa por 3 x 0 (Kardec, Wesley e Serginho) e faltando 17 rodadas, está a praticamente seis vitórias do seu retorno à série A. O time jogou bem; Márcio Araújo fez uma bela partida; nosso goleador, “Lã” Kardec, já marcou 9 gols; temos 3 jogadores convocados por seleções de 3 diferentes países e um outro convocado para a Sub-20 brasileira (tchuuupa, Tamoxunto!); temos o melhor ataque da competição (igual ao melhor ataque da série A); a segunda melhor defesa; temos um dos planos de sócio-torcedor mais baratos, com um dos maiores programas de vantagens; mesmo disputando a série B, o elenco conta com vários jogadores que já conquistaram títulos, até mesmo Libertadores; o técnico tem o grupo na mão; diretoria, comissão técnica e jogadores remam pro mesmo lado; o ambiente é bom…

Enfim, o Palmeiras vai caminhando em sentido contrário ao lugar de horrores onde a antiga administração o colocou. Com muita dificuldade e muito coisa por fazer, mas muita seriedade também, vai pondo fim ao pesadelo vivido em 2012…

Parece bom viver tempos menos atribulados, não é mesmo? Estamos cheios de boas notícias para as pautas da imprensa. Que nada! Os “peperones” se multiplicaram (até na MP já os encontramos) e estão sempre noticiando problemas que não existem, crises que não são reais, coisas que querem fazer mais importantes do que o fato de estarmos saindo da famigerada série B.

Até aí, não estou falando nenhuma novidade. Que boa parte da imprensa esportiva brasileira anda com o nível de qualidade batendo no pré-sal, a gente sabe… pautas horrorosas, notícias distorcidas, crises inventadas, erros de português, uma lástima.

Mas parece que, agora, tem uma nova modalidade de jornalismo: o INVENTATION!

Veja só isso, leitor. O técnico Gilson Kleina, após a vitória do Palmeiras diante do Asa , falou sobre o retorno do Valdívia e sua programação daqui pra frente.

E ele disse o seguinte:

“A gente sempre quer o Valdivia em campo, né? Acho que desde o momento que nós começamos a monitorá-lo, e teve a consciência e maturidade de todos, nós conseguimos colocar muito mais o Valdivia dentro de campo, inclusive dentro da seleção também. Mérito total do Valdivia.

É muito legal isso de que ele quer ficar, tá comprometido, e isso não tira nada daquilo que a gente pensa. Porém, é uma coisa que a gente tá utilizando e que amanhã vai fazer de novo.

Vou reavaliá-lo, fazer da mesma maneira. A gente nunca está aqui querendo negar pro torcedor, ele sabe da qualidade do Valdivia, o que ele representa pra nós, mas também é preciso respeitar aquele protocolo que a gente tá fazendo.

É uma condição, é claro, que o Valdivia pode iniciar o jogo; ele sabe que pode ser o diferencial no jogo de sábado, mas desde que as avaliações, os testes lá , deem condição pra que a gente não só tenha ele no sábado, mas possa tê-lo até o final do ano. Porque é importante nessa reta final contar com todos os grandes jogadores.”

Ouça o vídeo (eles querem acessos mesmo). Gilson Kleina parece falar apenas sobre o retorno do jogador e sua programação daqui pra frente:

http://esportes.terra.com.br/futebol/videos/gilson-kleina-responde-chilique-de-valdivia,485772.html

Veja se o que o conteúdo do vídeo combina com o título com o qual ele foi publicado.

Terra-sacana

Terra-sacana1a

Notícia estranha… E com o agravante de ter duas informações inverídicas na mesma notícia. Uma é sobre o tal chilique; a outra é: “Jogador não gostou de ser substituído”. Oiiiii? Alguém precisa contar para os estagiários do Terra que, além de não ter havido chilique algum, VALDIVIA NÃO FOI SUBSTITUÍDO EM NENHUM MOMENTO DA PARTIDA!! Ele entrou em campo no segundo tempo, substituindo Felipe Menezes (será que eles tentaram dizer que ele não gostou de ter ficado no banco?!? O que também não seria verdade).

Não me parece muito honesto esse “mix” de notícias… Não tenho como afirmar, mas, ao ouvir o vídeo só com a resposta do Kleina e sem a pergunta que teria sido feita a ele, fica parecendo que Kleina não está respondendo ao jogador coisíssima nenhuma. Na verdade, a impressão que tem uma pessoa que foi ao jogo, como eu fui, é que pegaram um trecho da entrevista do Kleina, que estava apenas falando da programação que será feita com o Valdívia, o editaram e colocaram como se fosse uma resposta ao “chilique” do jogador – chilique imaginado por quem escreveu.

A assessoria de Valdivia me informou que “o Mago jamais reclamaria por não jogar, o que nunca fez, e que ele SEMPRE respeitou, respeita e respeitará as ordens do treinador que o comandar. Valdivia é um cara de grupo, que respeita os companheiros que também têm condições de jogar pelo Palmeiras”.

Até quando teremos que aguentar esse tipo de “jornalismo”? E por que o alvo maior é sempre o Palmeiras? Custo a acreditar que seja apenas por iniciativa dos redatores, afinal existem chefes de redação, e não é possível que eles concordem com esse “jornalismo”… e se, por acaso, tivesse mais coisa aí, quem ou “quems” estaria por trás? Ou o motivo seria apenas o sensacionalismo do que, falsamente, o título da matéria sugere, e todos os acessos que, consequentemente, isso daria ao portal?

Talvez o motivo seja outro, porque as duas hipóteses acima não me parecem ser muito corretas…

Em todo caso, isso nos faz ter apenas uma certeza, a de que não podemos mesmo confiar no que lemos em alguns portais. Até eu, que não sou jornalista, tenho muito mais cuidado e preocupação com a veracidade do que publico aqui no blog, com o tipo de informação que levo aos meus leitores.

ESTAMOS DE OLHO, VIU PRESS?

  • delaney, eric.

    O jornalismo esportivo agoniza de tanta “imparcialidade” de seus “profissionais torcedores”, que nem pra estagiarem em folhetim de escola primária servem.

    • taniaclorofila

      Tá um horror, né Gringo?
      Nada de profissionalismo, tudo de clubismo. Nem se pode chamar isso de jornalismo.

  • delaney, eric.

    O jornalismo esportivo agoniza de tanta “imparcialidade” de seus “profissionais torcedores”, que nem pra estagiarem em folhetim de escola primária servem.

    • taniaclorofila

      Tá um horror, né Gringo?
      Nada de profissionalismo, tudo de clubismo. Nem se pode chamar isso de jornalismo.

  • Maria Goretti

    Tânia, NADA sobre futebol que o portal Terra publica é confiável ou idôneo.Parece que eles conseguem se abastecer com a escória do jornalismo…

    • taniaclorofila

      O que mais me espanta é que eles estão pouco se importando para a falta de credibilidade. Parece que é mais divertido inventar problemas e crises…

  • Maria Goretti

    Tânia, NADA sobre futebol que o portal Terra publica é confiável ou idôneo.Parece que eles conseguem se abastecer com a escória do jornalismo…

    • taniaclorofila

      O que mais me espanta é que eles estão pouco se importando para a falta de credibilidade. Parece que é mais divertido inventar problemas e crises…

  • Angela Bonora Gamez

    Maravilhoso texto e é uma pena que vc não seja jornalista, pelo menos teríamos uma jornalista de nível! Ontem teve um jogador de outro time, que simulou desavergonhadamente uma falta, queria saber se aquele que se diz jornalista, vai telefonar ao Tribunal para cobrar esta atitude antiética do referido jogador!

    • taniaclorofila

      Obrigada, Angela.
      Então, né? Como o jogador que simulou a falta é do time para o qual torce aquele que se diz jornalista, tá na cara que ele não vai telefonar para o tribunal.
      Eles gostam mais de ferrar o Valdivia…

  • Angela Bonora Gamez

    Maravilhoso texto e é uma pena que vc não seja jornalista, pelo menos teríamos uma jornalista de nível! Ontem teve um jogador de outro time, que simulou desavergonhadamente uma falta, queria saber se aquele que se diz jornalista, vai telefonar ao Tribunal para cobrar esta atitude antiética do referido jogador!

    • taniaclorofila

      Obrigada, Angela.
      Então, né? Como o jogador que simulou a falta é do time para o qual torce aquele que se diz jornalista, tá na cara que ele não vai telefonar para o tribunal.
      Eles gostam mais de ferrar o Valdivia…

  • Gaetano

    Bom dia, Tânia

    São incontáveis as reportagens semelhantes, tentando instalar crises no Palmeiras. Algumas não escondem suas intenções. Posso citar o “jornalista” Willian Correia da Gazeta Esportiva, que insiste em lançar manchetes covardes, inverídicas e maliciosas. Os exemplos são inúmeros desse “profissional”. Pena que nesse país as calúnias são divulgadas publicamente sem retratação.
    No caso desse cidadão no que diz respeito a Valdívia, por exemplo, sempre coloca adjetivos como “o jogador mais caro do elenco” e “craque” colocado entre aspas. As manchetes que faz uso não são concordantes com o texto e, na sua TOTALIDADE, induzem o leitor e até o torcedor DESINFORMADO a concluir coisas negativas sobre o clube, seu presidente, seu grupo de jogadores e seu treinador.

    • taniaclorofila

      Esse sujeito que você cita eu não conheço, Gaetano.

      Mas esse “modus operandi” é comum na imprensinha. Adoram destruir, distorcer a reputação alheia, enquanto fazem parecer exemplares até jogadores com dupla identidade, envolvidos em contrabando…

  • Gaetano

    Bom dia, Tânia

    São incontáveis as reportagens semelhantes, tentando instalar crises no Palmeiras. Algumas não escondem suas intenções. Posso citar o “jornalista” Willian Correia da Gazeta Esportiva, que insiste em lançar manchetes covardes, inverídicas e maliciosas. Os exemplos são inúmeros desse “profissional”. Pena que nesse país as calúnias são divulgadas publicamente sem retratação.
    No caso desse cidadão no que diz respeito a Valdívia, por exemplo, sempre coloca adjetivos como “o jogador mais caro do elenco” e “craque” colocado entre aspas. As manchetes que faz uso não são concordantes com o texto e, na sua TOTALIDADE, induzem o leitor e até o torcedor DESINFORMADO a concluir coisas negativas sobre o clube, seu presidente, seu grupo de jogadores e seu treinador.

    • taniaclorofila

      Esse sujeito que você cita eu não conheço, Gaetano.

      Mas esse “modus operandi” é comum na imprensinha. Adoram destruir, distorcer a reputação alheia, enquanto fazem parecer exemplares até jogadores com dupla identidade, envolvidos em contrabando…

  • Leo Bailer

    O clubismo impera!

  • Leo Bailer

    O clubismo impera!

  • Marco

    Além da desonestidade que caracteriza a atual classe dos jornalistas esportivos, é preciso lembrar que o momento exige o desvio de foco para dar tempo a um certo de afastar a sua crise.
    Com exceção daquela parte da nossa torcida que adora comprar desgraças, o torcedor palmeirense não precisa se preocupar. Preocupados devem estar no momento os torcedores da Ponte, Lusa e Criciúma, os times que podem cair para salvar o clube adorado pelos “terras” da vida.

    • taniaclorofila

      Verdade, Marco.
      Os torcedores desses times devem mesmo se preocupar. Se uns certos clubes não se safarem por conta própria, serão salvos naquele esqueminha manjado de sempre.

  • Marco

    Além da desonestidade que caracteriza a atual classe dos jornalistas esportivos, é preciso lembrar que o momento exige o desvio de foco para dar tempo a um certo de afastar a sua crise.
    Com exceção daquela parte da nossa torcida que adora comprar desgraças, o torcedor palmeirense não precisa se preocupar. Preocupados devem estar no momento os torcedores da Ponte, Lusa e Criciúma, os times que podem cair para salvar o clube adorado pelos “terras” da vida.

    • taniaclorofila

      Verdade, Marco.
      Os torcedores desses times devem mesmo se preocupar. Se uns certos clubes não se safarem por conta própria, serão salvos naquele esqueminha manjado de sempre.

  • Vanderlei Giovannetti

    Sinceramente eu não sei p quê existe depto jurídico no Palmeiras, calúnia, injúria e difamação são crimes previstos em lei, e podem ser aplicados ainda q desportivamente!Aliás se alguém do depto jurídico do Palmeiras estiver lendo esse post, como anda o Processo do Martinuccio, e do David ????? Faz tempo que não falam absolutamente nada à respeito!

    • taniaclorofila

      Vanderlei, o Palmeiras tem respondido às mentiras dos portais, tem batido de frente em muitas situações. Coisa que nós não víamos nas gestões anteriores.
      Mas é óbvio que não o farão a cada sacanagem da imprensinha, porque senão, não farão outra coisa, todo dia tem uma notícia mandrake em algum lugar.

      Muitas vezes nós mesmos podemos reclamar e combater, afinal, a Mídia Palestrina tem força e a nossa torcida, se quiser, também tem.

      Quanto aos processos do Martinuccio e do David, o Palmeiras foi à Fifa tentar solucionar os casos. O advogado do Palmeiras, André Sica, está à frente dos casos e viajou algumas vezes à Zurique, na Suíça, para avançar nas situações. Em Julho, as notícias davam conta que o Palmeiras estava bastante otimista. As ações já tinham sido tomadas, assim como os jogadores já tinham apresentado suas defesas. E começaria então uma fase de decisão. Talvez seja por isso que não tenhamos mais notícias.
      Vamos aguardar…

  • Vanderlei Giovannetti

    Sinceramente eu não sei p quê existe depto jurídico no Palmeiras, calúnia, injúria e difamação são crimes previstos em lei, e podem ser aplicados ainda q desportivamente!Aliás se alguém do depto jurídico do Palmeiras estiver lendo esse post, como anda o Processo do Martinuccio, e do David ????? Faz tempo que não falam absolutamente nada à respeito!

    • taniaclorofila

      Vanderlei, o Palmeiras tem respondido às mentiras dos portais, tem batido de frente em muitas situações. Coisa que nós não víamos nas gestões anteriores.
      Mas é óbvio que não o farão a cada sacanagem da imprensinha, porque senão, não farão outra coisa, todo dia tem uma notícia mandrake em algum lugar.

      Muitas vezes nós mesmos podemos reclamar e combater, afinal, a Mídia Palestrina tem força e a nossa torcida, se quiser, também tem.

      Quanto aos processos do Martinuccio e do David, o Palmeiras foi à Fifa tentar solucionar os casos. O advogado do Palmeiras, André Sica, está à frente dos casos e viajou algumas vezes à Zurique, na Suíça, para avançar nas situações. Em Julho, as notícias davam conta que o Palmeiras estava bastante otimista. As ações já tinham sido tomadas, assim como os jogadores já tinham apresentado suas defesas. E começaria então uma fase de decisão. Talvez seja por isso que não tenhamos mais notícias.
      Vamos aguardar…

  • pedro martinazzi

    Tania, outro excelente texto (elogiar seus textos eh como chiver no molhado)
    Sempre tivemos jornalistas que tinham seus times de coracao, porem, o nivel desses profissionais era outro, eles eram profissionais.
    A diferenca basica e’ essa, pessoal fraco e mal preparado, falam coisas absurdas e nada acontesse.
    Acho que tambem falta mais apoio da Assessoria de Imprensa do PAL em imediatamente questionar esses absurdos -e poderiam usar seus textos e nem trabalham teriam de preparar algo :).

  • pedro martinazzi

    Tania, outro excelente texto (elogiar seus textos eh como chiver no molhado)
    Sempre tivemos jornalistas que tinham seus times de coracao, porem, o nivel desses profissionais era outro, eles eram profissionais.
    A diferenca basica e’ essa, pessoal fraco e mal preparado, falam coisas absurdas e nada acontesse.
    Acho que tambem falta mais apoio da Assessoria de Imprensa do PAL em imediatamente questionar esses absurdos -e poderiam usar seus textos e nem trabalham teriam de preparar algo :).

  • Zeca_SEP

    A imprensinha marrom (e rosa também) adora servir de ferramenta para plantar crise no verdão, chega a ser hilário o desespero deles ao tentar a todo custo desestabilizar o nosso ambiente (vide gambaUOL). Eles tem medo que dentro do Palmeiras todos comecem a remar para o mesmo lado, pois sabem que se isso acontecer seus clubes de coração voltarão a ser coadjuvantes.

  • Zeca_SEP

    A imprensinha marrom (e rosa também) adora servir de ferramenta para plantar crise no verdão, chega a ser hilário o desespero deles ao tentar a todo custo desestabilizar o nosso ambiente (vide gambaUOL). Eles tem medo que dentro do Palmeiras todos comecem a remar para o mesmo lado, pois sabem que se isso acontecer seus clubes de coração voltarão a ser coadjuvantes.