O VELHO E MANJADO “ENGANATION”!

Desde que Barcos fez um gol de mão, enquanto sofria um escandaloso pênalti, E QUE SÓ OS DISSIMULADOS DA IMPRENSA CONTINUAM FINGINDO NÃO TEREM VISTO, que não se fala em outra coisa na mídia. Mas tudo para tirar o foco de que violaram uma determinação da Fifa para anular um gol do Palmeiras! E todos fazem de conta que não estão entendendo que o Palmeiras reclama da maneira ilícita com que anularam o gol, e não do gol anulado.

Mas a mídia fez um estardalhaço! E sempre com demérito ao jogador Hernán Barcos e ao Palmeiras. Batem nos dois o tempo todo. E a gente ouve tanta bobagem… Há os que falam em imoralidade (desde quando um presidente de comissão de arbitragem, por exemplo, tem o direito de fazer qualquer julgamento a respeito de um clube?)…

Há os que clamam pela confissão de Barcos (como se criminoso ele fosse)…

Há os impolutos, que pedem pena para o jogador do Palmeiras, como faz Galvão Bueno, da Globo… Mas você não disse o mesmo numa outra oportunidade que veremos mais adiante, não é mesmo Galvão?

Tem o Juca Kfouri chamando Barcos de “Pirata da Cara de Pau”. Em matéria de “cara de pau” o senhor é PHD, né “seo” Juca? Esqueceu o “3 chapéus anulam um braço” que foi escrito pela sua pessoa, em outra ocasião, quando se referia ao gol de Luís Fabiano pela seleção? Seguindo o seu raciocínio, posso imaginar que a ilegalidade de um lance depende da conveniência e não do que determina a regra? Posso imaginar que a regra vale para uns e não vale para outros? Acho que pensar assim seria bastante desonesto…

Tem o Caio Ribeiro, do Globo Esporte, dizendo que o Palmeiras é quem tem que provar o uso de recurso eletrônico (como se o moço não soubesse que o tal recurso foi usado, como se as declarações de alguns jornalistas no local não provassem isso)…

E esse mesmo Caio Ribeiro, falou que Barcos não teve a hombridade de Klose  para admitir que fez o gol com a mão (mas que audácia desse moço, não?)… e quando ele fala asneiras como essa, é a Globo quem está validando isso, não é mesmo?

Tantos, falando tantas bobagens… E NENHUM DELES, VIU O PÊNALTI QUE BARCOS SOFREU… Seriam todos cegos? Claro que não!

E falam em moral, em ética, enquanto aplaudem que uma determinação da Fifa tenha sido violada; aplaudem as mentiras que são contadas para que se mantenha a violação em segredo… Tão ‘ético’ isso, não é mesmo? Atitudes desse tipo vêm tão ‘carregadas de moral’…

Aí eu me pergunto, será que isso tudo é por que Barcos é argentino? E logo me lembro que Tevez, também argentino, cuspiu na água dos jogadores do Brasil, quebrou o nariz de um brasileiro, companheiro de clube, e ninguém fez nada disso.  Não!! Essas atitudes são apenas S-A-C-A-N-A-G-E-M!!

Sacanagem com o Palmeiras, porque tá mais do que óbvio que estão fazendo de tudo para que ele não vença os seus jogos, para que ele caia! Sacanagem com Barcos! É o início de um processo que esse “polvo maligno, cheio de tentáculos”, disfarçado de imprensa esportiva fez e faz com alguns jogadores. Fez e faz com Valdivia, por exemplo! No começo era assim, meio velado, até conseguirem insuflar parte da torcida contra ele. E o motivo é sempre o mesmo, atrapalhar o Palmeiras. Barcos é a bola da vez! Qualquer jogador desses citados, se jogasse em outro clube daqui, que não o Palmeiras, teria tratamento VIP pela parte podre da mídia.

Esse pessoal da imprensa esportiva brasileira, da sua parte podre é muito cara de pau, é muito hipócrita, para não usar outros adjetivos que cairiam como uma luva à essa gente. Não medem esforços para enganar o torcedor e jogá-lo contra o seu clube, contra os seus ídolos. Fico assombrada como mudam de opinião quando a coisa é com o Palmeiras.

Por que, se o problema fosse apenas pelo gol de mão, não faria sentido eles estarem fazendo esse carnaval todo. Afinal, eles acham isso o máximo! Nos vídeos que você verá a seguir, nenhum deles fala em hombridade, em imoralidade, não pedem pra ninguém confessar… Presta atenção!

Vejam só a diferença de reação quando Luís Fabiano fez um gol pela seleção brasileira usando o braço. Ele foi até o bola cheia do Fantástico!! O que será que o Caio teria a dizer sobre isso?

Preste atenção no 0:50 minuto do vídeo. Ouça bem o que diz Tadeu Schmidt da Globo, a mesma Globo dos programas do Sportv, onde seus participantes crucificaram Barcos por ter feito um gol de mão! Mas que criminoso esse Barcos!

“Puxa no braço, Luís Fabiano! Domina no braço essa desgraçada!”,  “É o gol conseguimos conquistar com braço forte.”,  “Luís Fabiano é o Jabulani cheia da semana”…

Que coisa, né gente? Esse gol não foi ilegal? Não tem que ter hombridade?  Trapacear rivais da seleção pode? Bola cheia porque usou o braço, ilegalmente, para fazer um gol? Ah, tá… Mas, no caso do Palmeiras, é imoral…

Mais um…

Partida polêmica pela Copa America de 1995. A Argentina vencia por 2×1 quando Túlio fez um gol irregular, levando a partida para a disputa de pênaltis, vencida pelo Brasil. Prestem atenção no comentarista, feliz da vida.

“…se com o pé ele desperdiça, com o braço ele é brilhante! Maravilha de braço!” Brilhante? Ora vejam… E o Barcos não tem hombridade…

Gol de mão? E não é que a Globo, que tá batendo sem parar no Palmeiras (vamos cancelar os pacotes de PFC, hein?), o Galvão Bueno, acham lindo quem usa o braço para fazer gols, para ludibriar os adversários? Olha só a alegria dele!

“Ele foi malandro” “Os argentinos vão chorar durante um mês” “Túlio é Maravilha até com o braço” (Mas que coisa, hein Galvão? A regra só é boa quando não é aplicada ao time da gente?)

Numa matéria do Terra sobre gols de mão, a gente encontra a pérola:

Adriano

Emprestado ao São Paulo para recuperar seu futebol, o atacante marcou um polêmico gol diante do Palmeiras na semifinal do Campeonato Paulista de 2008. Após a bola ser cruzada na área, o atacante não alcançou com a cabeça e, intencionalmente ou não, acabou batendo com a mão para que ela estufasse as redes.

Estão vendo? Intencionalmente, ou não… Até hoje esse povo não conseguiu ver que foi de propósito? E nenhum comentário sobre falta de hombridade. Nenhuma crítica por Adriano não ter confessado o toque, ninguém exigindo punição, o São Paulo não foi chamado de imoral, por se valer de um gol de mão para ganhar uma partida de semifinal… 

No site do Globoesporte.com numa matéria de 2008, logo após o gol de mão do Adriano, encontramos, entre outras coisas, estes comentários:

– Malandragem brasileira já aconteceu na Terrinha. Logo no início do Campeonato Português da temporada 2006/07, Ronny, ex-Corinthians, colocou a bola literalmente com a mão na rede do Sporting… (ah, é malandragem? E brasileira, Globo? pensei que fosse falta de hombridade, ou fosse imoralidade.)

– Se os argentinos consagraram o lance, também já tiveram que aturá-lo na Copa América de 95. Túlio Maravilha tratou de dar o troco no finzinho da partida pelas quartas-de-final da competição, que foi disputada no Uruguai. O artilheiro ajeitou a bola com o braço e bateu cruzado para colocar 2 a 2 no placar do jogo.

Aqui também, não há nenhum comentário depreciando o jogador e tampouco a seleção foi chamada de imoral por ganhar a vaga com um gol de mão…

Os responsáveis pelo futebol também não merecem crédito. O juiz que validou esse gol aqui foi punido…

… mas o que validou esse outro gol, mesmo tendo visto o toque, não foi punido. E a gente se pergunta: Por que $erá??? Reparem nos comentários: “Adriano foi esperto demais”… “acho que ele não teve intenção”… Ele sairia de campo e diria: “Maradona também já fez gol assim…” Mas o Barcos, que sofreu pênalti e o juiz não marcou, tem que ser punido, né Galvão? Né ‘amigosh do ShpoRtv’?…

O juiz que validou esse gol de Neymar, também não recebeu punição alguma… e ninguém chamou o Neymar “disso”, nem  “daquilo”…

Exemplos dessa picaretagem imensa dos profissionais de imprensa, que condenam em um, o mesmo que louvam em outro, não faltam. São atitudes tão diferentes para situações tão semelhantes, que fazem com que essas pessoas passem a não ter crédito algum.

E eles pensam mesmo que todo mundo é idiota, até o momento em que eles encontram pela frente uma torcida que sabe pensar…

Olho aberto, palestrino! Estão querendo enganar você, de novo! Plim, plim!!

 

 

  • Fabio Villa

    Não, todos os órgãos de imprensa, todo comentarista esportivo, qualquer “zé mané” está se achando apto a nos julgar, a colocar o Palmeiras como o vilão da história.

    “O Palmeiras está fazendo um carnaval e quer a anulação da partida por causa de um gol ilegal”

    “É vergonhoso, quase imoral, o Palmeiras exigir alguma coisa, sendo que o gol foi de mão”

    “Não interessa de onde veio a informação, o importante é que o Palmeiras não pode se beneficiar de um lance ilegal”

    Vejam vocês, o gol realmente foi ilegal, mas já que pode usar a imagem da TV, vamos discutir o pênalti escandaloso que o Índio fez no Barcos, no mesmo lance.

    O grande problema, é que o Palmeiras não se faz presente em nenhum lugar. 

    Se houvesse gente atenta lá dentro, estaríamos sendo representados em todos os programas esportivos, prá exigir que se a imagem serve prá anular o gol de mão do Barcos, tem que servir prá marcar o pênalti também. E se o pênalti foi antes do lance do gol de mão, quem está sendo prejudicado SIM, é o Palmeiras.

    • taniaclorofila

      Este é o ponto, Fábio!
      Se é para se utilizarem da imagem da TV, então, por obrigação, vão ter que admitir que, antes mesmo do gol, Barcos já sofria pênalti.
      O fato de quererem ver só metade do que a imagem mostra, nos leva a pensar que o que moveu essa gente passou longe do “fazer o que era certo”.

      • Eu ando inconformado com a situação que o Palmeiras está, pois vejo que é uma injustiça gigantesca o que querem fazer com ele. Esse não é o primeiro ano que o Palmeiras lidera o ranking de mais roubado do campeonato brasileiro. Concordo plenamente que a imprensa (principalmente globo) está fazendo uma pressão enorme para derrubar o Palmeiras. Fico me perguntando porque? Será que é porque querem um time grande na 2a divisão por audiencia? Será que é um plano do Andres Sanches? Será que ódio puro? Me preocupa muito porque sabemos o poder que a globo tem nesse país e até quando iremos enfrentá-los?

        • Sinceramente, Guilherme, eu não acredito que seja ódio puro, mas porque não pensar na hipótese de ser o “troco” de algo que não sabemos, como, por exemplo, posições políticas, corrupção (de repente, o Palmeiras ficou fora de alguma falcatrua, como “entrega de campeonato”, pagamento de algum tipo de comissão, superfaturamento, participações…) sabe, essas coisas que “não existem” e que são “teorias conspiratórias”. De qualquer forma, está cada vez mais evidente e ainda não se tornou claro o escândalo pelo natural revanchismo entre os torcedores e clubes. Se não houvesse a paixão tão irracional, para o bem do futebol, já teria surgido um movimento pela moralização, já há muito tempo, acima de interesses clubísticos.

  • Fabio Villa

    Não, todos os órgãos de imprensa, todo comentarista esportivo, qualquer “zé mané” está se achando apto a nos julgar, a colocar o Palmeiras como o vilão da história.

    “O Palmeiras está fazendo um carnaval e quer a anulação da partida por causa de um gol ilegal”

    “É vergonhoso, quase imoral, o Palmeiras exigir alguma coisa, sendo que o gol foi de mão”

    “Não interessa de onde veio a informação, o importante é que o Palmeiras não pode se beneficiar de um lance ilegal”

    Vejam vocês, o gol realmente foi ilegal, mas já que pode usar a imagem da TV, vamos discutir o pênalti escandaloso que o Índio fez no Barcos, no mesmo lance.

    O grande problema, é que o Palmeiras não se faz presente em nenhum lugar. 

    Se houvesse gente atenta lá dentro, estaríamos sendo representados em todos os programas esportivos, prá exigir que se a imagem serve prá anular o gol de mão do Barcos, tem que servir prá marcar o pênalti também. E se o pênalti foi antes do lance do gol de mão, quem está sendo prejudicado SIM, é o Palmeiras.

    • taniaclorofila

      Este é o ponto, Fábio!
      Se é para se utilizarem da imagem da TV, então, por obrigação, vão ter que admitir que, antes mesmo do gol, Barcos já sofria pênalti.
      O fato de quererem ver só metade do que a imagem mostra, nos leva a pensar que o que moveu essa gente passou longe do “fazer o que era certo”.

      • Eu ando inconformado com a situação que o Palmeiras está, pois vejo que é uma injustiça gigantesca o que querem fazer com ele. Esse não é o primeiro ano que o Palmeiras lidera o ranking de mais roubado do campeonato brasileiro. Concordo plenamente que a imprensa (principalmente globo) está fazendo uma pressão enorme para derrubar o Palmeiras. Fico me perguntando porque? Será que é porque querem um time grande na 2a divisão por audiencia? Será que é um plano do Andres Sanches? Será que ódio puro? Me preocupa muito porque sabemos o poder que a globo tem nesse país e até quando iremos enfrentá-los?

        • Gaetano

          Sinceramente, Guilherme, eu não acredito que seja ódio puro, mas porque não pensar na hipótese de ser o “troco” de algo que não sabemos, como, por exemplo, posições políticas, corrupção (de repente, o Palmeiras ficou fora de alguma falcatrua, como “entrega de campeonato”, pagamento de algum tipo de comissão, superfaturamento, participações…) sabe, essas coisas que “não existem” e que são “teorias conspiratórias”. De qualquer forma, está cada vez mais evidente e ainda não se tornou claro o escândalo pelo natural revanchismo entre os torcedores e clubes. Se não houvesse a paixão tão irracional, para o bem do futebol, já teria surgido um movimento pela moralização, já há muito tempo, acima de interesses clubísticos.

  • O problema e um so !! Se o delegado da cbf na partida quer ser o “arauto” da verdade e da justiça como ele mesmo disse “POSSO NUNCA MAIS SER DELEGADO DA CBF MAIS VOU DORMIR TRANQUILO” e simples chame o para depor no julgamento e peçam para ele dizer se informou ou nao sobre o lance !!!Por que ser homem quando convem e facil o dificil e ser homem sempre ou ele vai “MENTIR” dizendo que nao influenciou na decisao do arbitro ???

    • taniaclorofila

      Leonel,

      Muito provavelmente, ele mentiria. Já estão mentindo agora.

  • leonel sengia

    O problema e um so !! Se o delegado da cbf na partida quer ser o “arauto” da verdade e da justiça como ele mesmo disse “POSSO NUNCA MAIS SER DELEGADO DA CBF MAIS VOU DORMIR TRANQUILO” e simples chame o para depor no julgamento e peçam para ele dizer se informou ou nao sobre o lance !!!Por que ser homem quando convem e facil o dificil e ser homem sempre ou ele vai “MENTIR” dizendo que nao influenciou na decisao do arbitro ???

    • taniaclorofila

      Leonel,

      Muito provavelmente, ele mentiria. Já estão mentindo agora.

  • EXCELENTE MAIS UMA VEZ, TÂNIA, seu trabalho de pesquisa. Meus parabéns! Pena que tal preciosidade fique restrita a nós que te acompanhamos. Ainda que assim não fosse, a impunidade para  veículos de imprensa não existe. Eles falam o que querem, são cegos às evidências e não se redimem de seus erros. Que beleza!!
    Com relação a Globo acho que seus empregados devem seguir a opinião e as diretrizes da redação e assim mostram “coerência”de opinião, o que não é surpresa alguma para eles. As eventuais “polêmicas” são orquestradas sem perda de foco das verdadeiras intenções. Ex-árbitros, ex-jogadores e ex-qualquer coisa não falam por si, para não perderem seus empregos. Lembra da demissão do  Renato Maurício Prado? A Globo movimenta todo o seu público segundo seus interesses seja através de suas novelas, do seu jornalismo, interesse político e  eventos de “solidariedade” e porque haveria de ser diferente com o esporte?

    • taniaclorofila

      Obrigada Gaetano!

      Eu recebo muita informação no Twitter e no Facebook. O pessoal me manda tudo que vê e lê… rsrs E isso me quebra um galho enorme, algumas vezes.
      Recebi alguns desses vídeos e aí tive a ideia de fazer um post com eles.

      Em relação ao que vc diz sobre o pessoal da Globo, eu também tenho a mesma impressão. Nunca há discordância entre os globais. As opiniões e posturas parecem sempre engessadas no molde platinado.

      Parece que todo mundo tem que agir, falar e, o que é pior, pensar da mesma maneira para manter o emprego. Triste… Porque faltam com a verdade tantas vezes, e enfiam na cabeça do telespectador coisas totalmente diferentes do que ele viu e ouviu.

  • Gaetano

    EXCELENTE MAIS UMA VEZ, TÂNIA, seu trabalho de pesquisa. Meus parabéns! Pena que tal preciosidade fique restrita a nós que te acompanhamos. Ainda que assim não fosse, a impunidade para  veículos de imprensa não existe. Eles falam o que querem, são cegos às evidências e não se redimem de seus erros. Que beleza!!
    Com relação a Globo acho que seus empregados devem seguir a opinião e as diretrizes da redação e assim mostram “coerência”de opinião, o que não é surpresa alguma para eles. As eventuais “polêmicas” são orquestradas sem perda de foco das verdadeiras intenções. Ex-árbitros, ex-jogadores e ex-qualquer coisa não falam por si, para não perderem seus empregos. Lembra da demissão do  Renato Maurício Prado? A Globo movimenta todo o seu público segundo seus interesses seja através de suas novelas, do seu jornalismo, interesse político e  eventos de “solidariedade” e porque haveria de ser diferente com o esporte?

    • taniaclorofila

      Obrigada Gaetano!

      Eu recebo muita informação no Twitter e no Facebook. O pessoal me manda tudo que vê e lê… rsrs E isso me quebra um galho enorme, algumas vezes.
      Recebi alguns desses vídeos e aí tive a ideia de fazer um post com eles.

      Em relação ao que vc diz sobre o pessoal da Globo, eu também tenho a mesma impressão. Nunca há discordância entre os globais. As opiniões e posturas parecem sempre engessadas no molde platinado.

      Parece que todo mundo tem que agir, falar e, o que é pior, pensar da mesma maneira para manter o emprego. Triste… Porque faltam com a verdade tantas vezes, e enfiam na cabeça do telespectador coisas totalmente diferentes do que ele viu e ouviu.

  • Tania, me ocorreu, agora.  Será que essa campanha na tentativa de desmoralização do Barcos não teria  a haver com um “troco” daquela reportagem (…do Zé Ramalho) em que ele deu um “passa moleque” no repórter  e no Leifert?

    • taniaclorofila

      Eu acho que tem um interesse maior aí, Gaetano. Mas, sem dúvida, desde aquele episódio em que o Barcos deu um ‘passa moleque’ nos ‘globaish’, ele virou persona non grata no meio tão corporativista.
      E, como o Pirata é bom de bola, e não interessa a essa gente que o Palmeiras tenha jogadores bom de bola no elenco, eu sabia que, mais cedo ou mais tarde, começariam a fazer com Barcos o mesmo que fazem com Valdivia, que já fizeram com Kleber, com Love, com Diego Souza, com Edmundo… Só lamento que, hoje em dia, tenhamos tantos torcedores ingênuos.

      • Com relação aos torcedores ingênuos, lamento também. Eles entram nesse clima e acabam sendo cúmplices. Que pena!!

  • Gaetano

    Tania, me ocorreu, agora.  Será que essa campanha na tentativa de desmoralização do Barcos não teria  a haver com um “troco” daquela reportagem (…do Zé Ramalho) em que ele deu um “passa moleque” no repórter  e no Leifert?

    • taniaclorofila

      Eu acho que tem um interesse maior aí, Gaetano. Mas, sem dúvida, desde aquele episódio em que o Barcos deu um ‘passa moleque’ nos ‘globaish’, ele virou persona non grata no meio tão corporativista.
      E, como o Pirata é bom de bola, e não interessa a essa gente que o Palmeiras tenha jogadores bom de bola no elenco, eu sabia que, mais cedo ou mais tarde, começariam a fazer com Barcos o mesmo que fazem com Valdivia, que já fizeram com Kleber, com Love, com Diego Souza, com Edmundo… Só lamento que, hoje em dia, tenhamos tantos torcedores ingênuos.

      • Gaetano

        Com relação aos torcedores ingênuos, lamento também. Eles entram nesse clima e acabam sendo cúmplices. Que pena!!

  • Tânia, que trabalho maravilhoso. Parabéns.

    • taniaclorofila

      Obrigada, Cezar.

  • CezarFerreira

    Tânia, que trabalho maravilhoso. Parabéns.

    • taniaclorofila

      Obrigada, Cezar.

  • rvt998

    Clorofila
    O ataque em massa da imprensa é por que eles mesmo sabem que vão ter que cancelar o jogo. o que para eles é um absurdo por que teoricamente ajudará o palmeiras, por que teoricamente? todos nós palmeirenses sabemos que não é TAPETÃO, por que não ganharemos 3 pontos, apenas nos darão a oportunidade de jogar novamente, e se for para perder que seja, e se for para ganhar que seja também.
    Pensando friamente veremos que não é toda imprensa que esta contra o Palmeiras, mas aqueles que tem “medo” do que possa acontecer daqui em diante, como por exemplo a CBF proibir que em quanto a bola esteja rolando reportes de campo não fique próximo aos bancos de reservas, mas sim atras dos gols como se usa na Europa por exemplo, e outras teorias que talvez só existam na minha cabeça, como se hoje acabasse o campeonato brasileiro quem seriam, os rebaixados, Atl. Goianiense, Figueirense, Palmeiras e Sport, quem assistiria e que Ibope daria a serie B do brasileiro sem um grande time do brasil figurar, na série B? O Palmeiras  através da sua torcida da Ibope quando é canal aberto quando é canal fechado, PPV e o K.., e ainda tem a Arena Palestra que será inaugurada o ano que vem, quer mais IBOPE do que se jogar a série B em uma arena de primeiro mundo?
    Pensem nas teorias da conspiração e vocês vão ver que elas não são tão irracionais ou mirabolantes, quando temos por trás do futebol brasileiro a CBF e o quarto poder brasileiro, que realmente manda no Brasil chamado Rede Globo de Televisão, essa sim tem o poder.
    Não duvidem se o stjd não anular o jogo e a razão pela qual não for anulado for “falta de provas”, mesmo que a repórter da Band tenha que ir ao tribunal e confirmar o que ela já falou ao vivo, por que ela não vai poder voltar atrás, não é interessante para nínguém exceto para os palmeirenses de que o palmeiras continue na séria A.
    Os jornalistas imparciais que presam o futebol acima de tudo, idependente de onde trabalham ou qual o seu time de coração ja se declararam a favor de que o jogo seja anulado e que o uso de tecnologia seja revisto pelo orgão competente que é a FIFA, nenhum de nós(ou pelo menos a maioria) palmeirenses é contra o uso de tecnologia, mas que ela seja usada para todos, seja contra ou a favor, mas que seja regulamentada na regra do jogo e não só para uns e não para todos, da mesma forma que não concordo com o stjd condenar ou punir clubes, técnicos e jogadores usando imagens, sem que o juíz tenha sequer dado cartão na  hora da partida, somente usando imagens.
    Para nós continuarmos na série A teremos que lutar em campo e também fora de campo e esse trabalho depende de nós da torcida, por que no que depender da nossa diretoria, nós estamos ferrados.
    Contra tudo e Contra todos Froza Palestra, Aqui e Palmeiras!!!!

    • Roberto Partisan

      Tem que levar a denúncia à FIFA…o STJD não vai anular a partida.

  • rvt998

    Clorofila
    O ataque em massa da imprensa é por que eles mesmo sabem que vão ter que cancelar o jogo. o que para eles é um absurdo por que teoricamente ajudará o palmeiras, por que teoricamente? todos nós palmeirenses sabemos que não é TAPETÃO, por que não ganharemos 3 pontos, apenas nos darão a oportunidade de jogar novamente, e se for para perder que seja, e se for para ganhar que seja também.
    Pensando friamente veremos que não é toda imprensa que esta contra o Palmeiras, mas aqueles que tem “medo” do que possa acontecer daqui em diante, como por exemplo a CBF proibir que em quanto a bola esteja rolando reportes de campo não fique próximo aos bancos de reservas, mas sim atras dos gols como se usa na Europa por exemplo, e outras teorias que talvez só existam na minha cabeça, como se hoje acabasse o campeonato brasileiro quem seriam, os rebaixados, Atl. Goianiense, Figueirense, Palmeiras e Sport, quem assistiria e que Ibope daria a serie B do brasileiro sem um grande time do brasil figurar, na série B? O Palmeiras  através da sua torcida da Ibope quando é canal aberto quando é canal fechado, PPV e o K.., e ainda tem a Arena Palestra que será inaugurada o ano que vem, quer mais IBOPE do que se jogar a série B em uma arena de primeiro mundo?
    Pensem nas teorias da conspiração e vocês vão ver que elas não são tão irracionais ou mirabolantes, quando temos por trás do futebol brasileiro a CBF e o quarto poder brasileiro, que realmente manda no Brasil chamado Rede Globo de Televisão, essa sim tem o poder.
    Não duvidem se o stjd não anular o jogo e a razão pela qual não for anulado for “falta de provas”, mesmo que a repórter da Band tenha que ir ao tribunal e confirmar o que ela já falou ao vivo, por que ela não vai poder voltar atrás, não é interessante para nínguém exceto para os palmeirenses de que o palmeiras continue na séria A.
    Os jornalistas imparciais que presam o futebol acima de tudo, idependente de onde trabalham ou qual o seu time de coração ja se declararam a favor de que o jogo seja anulado e que o uso de tecnologia seja revisto pelo orgão competente que é a FIFA, nenhum de nós(ou pelo menos a maioria) palmeirenses é contra o uso de tecnologia, mas que ela seja usada para todos, seja contra ou a favor, mas que seja regulamentada na regra do jogo e não só para uns e não para todos, da mesma forma que não concordo com o stjd condenar ou punir clubes, técnicos e jogadores usando imagens, sem que o juíz tenha sequer dado cartão na  hora da partida, somente usando imagens.
    Para nós continuarmos na série A teremos que lutar em campo e também fora de campo e esse trabalho depende de nós da torcida, por que no que depender da nossa diretoria, nós estamos ferrados.
    Contra tudo e Contra todos Forza Palestra, Aqui e Palmeiras!!!!

    • Roberto Partisan

      Tem que levar a denúncia à FIFA…o STJD não vai anular a partida.

  • washington luiz campos

    tania, como sempre voce e  espetacular, lava nossa alma, e duro ficar assistindo os programas, redaçao, neto dr. osmar, pvc. etc, quanta raiva, faz um favor para nos,mande este post para o uol,
     quem sabe eles publicam. em tempo, ontem o unico comentarista que falou honestamente, sem paixoes, foi mauro pereira da espn, enquanto o pvc gaguejava e so falava contra o palmeiras. abraços.

  • washington luiz campos

    tania, como sempre voce e  espetacular, lava nossa alma, e duro ficar assistindo os programas, redaçao, neto dr. osmar, pvc. etc, quanta raiva, faz um favor para nos,mande este post para o uol,
     quem sabe eles publicam. em tempo, ontem o unico comentarista que falou honestamente, sem paixoes, foi mauro pereira da espn, enquanto o pvc gaguejava e so falava contra o palmeiras. abraços.

  • Os PALMEIRENSES de verdade têm de se mobilizar, parar de dar ibope pra Globo. Fazer campanhas no twitter, demonstrar a nossa força. Eles nos fazem de gato e sapato, e nada acontece.

  • Os PALMEIRENSES de verdade têm de se mobilizar, parar de dar ibope pra Globo. Fazer campanhas no twitter, demonstrar a nossa força. Eles nos fazem de gato e sapato, e nada acontece.

  • FuriaVerde

    É por isso que a Globo odeia o Palmeiras, a nossa torcida não engole as mentiras que eles inventam.

  • FuriaVerde

    É por isso que a Globo odeia o Palmeiras, a nossa torcida não engole as mentiras que eles inventam.

  • FURBO2003

    Parabéns pelo texto!!!

    mas essa hipocrisia ñ se restringe apenas à imprensa, infelizmente está enraizado na cultura do povo brasileiro que quer sempre levar vantagem em td…

    veja por exemplo o Internacional criticando a postura do Palmeiras, o mesmo Inter q já perdeu campeonato nos bastidores, o mesmo Inter q já foi diversas vezes prejudicado pelos apitadores, esse mesmo Inter q amanhã possivelmente estará assumindo o posto do Palmeiras ano que vem, sendo massacrado pela cbf e seus soldados do apito… por isso q eu falo, jamais irão moralizar o futebol pois não a há o mínimo de UNIÃO para fazer o bem, fazer a coisa certa, o negócio é apenas tirar vantagem e foda-se o resto… td no Brasil é e sempre foi assim, desde a descoberta do país até os dias de hoje.

    nesses momentos de injustiça e desonestidade da sociedade, busco fortalecer esse ensinamento em minha mente: a alma do homem é imortal, mas a alma do homem JUSTO é imortal e DIVINA.

    OBS: a mão na bola é apenas um detalhe, a verdadeira batalha desta partida está na comprovação descarada de q as partidas são apitadas de fora das 4 linhas, e que mtos (inclusive alguns palmeirenses) se recusam a ver pois será mto grande a decepção de saber que o futebol brasileiro e seu campeonatinho marin/sanches é uma grande farsa… viva o brasil na 14º pos. no ranking, torcerei com mto ímpeto para q sejam eliminados na 1ª fase da copa, esta nação hipócrita merece.

  • FURBO2003

    Parabéns pelo texto!!!

    mas essa hipocrisia ñ se restringe apenas à imprensa, infelizmente está enraizado na cultura do povo brasileiro que quer sempre levar vantagem em td…

    veja por exemplo o Internacional criticando a postura do Palmeiras, o mesmo Inter q já perdeu campeonato nos bastidores, o mesmo Inter q já foi diversas vezes prejudicado pelos apitadores, esse mesmo Inter q amanhã possivelmente estará assumindo o posto do Palmeiras ano que vem, sendo massacrado pela cbf e seus soldados do apito… por isso q eu falo, jamais irão moralizar o futebol pois não a há o mínimo de UNIÃO para fazer o bem, fazer a coisa certa, o negócio é apenas tirar vantagem e foda-se o resto… td no Brasil é e sempre foi assim, desde a descoberta do país até os dias de hoje.

    nesses momentos de injustiça e desonestidade da sociedade, busco fortalecer esse ensinamento em minha mente: a alma do homem é imortal, mas a alma do homem JUSTO é imortal e DIVINA.

    OBS: a mão na bola é apenas um detalhe, a verdadeira batalha desta partida está na comprovação descarada de q as partidas são apitadas de fora das 4 linhas, e que mtos (inclusive alguns palmeirenses) se recusam a ver pois será mto grande a decepção de saber que o futebol brasileiro e seu campeonatinho marin/sanches é uma grande farsa… viva o brasil na 14º pos. no ranking, torcerei com mto ímpeto para q sejam eliminados na 1ª fase da copa, esta nação hipócrita merece.

  • Roberto Morezi Junior

    Tânia, meus parabéns! Compartilhado para o Mundo ver! Depois dessa, se alguém ainda não entender pode se internar!

  • Tania, perfeito este texto como seria bom se chegasse pro Juca Kfori, Globo, Milton Neves e esta raça maldita que só quer nos difamar.

    • Lucio

      É isso aí. Vamos mandar esse link pra tudo quanto é lugar, para que todos tomem conhecimento!!

  • Rogerio Rocha

    Tania, perfeito este texto como seria bom se chegasse pro Juca Kfori, Globo, Milton Neves e esta raça maldita que só quer nos difamar.

  • Mi_macri

    Parabéns pelo texto. Até parece que a globo,com seu jornalismo cada dia mais minúsculo,está com medo de alguma coisa, será? qual foi a emissora que confirmou que o gol era irregular?
    abraços
    Mi

  • Mi_macri

    Parabéns pelo texto. Até parece que a globo,com seu jornalismo cada dia mais minúsculo,está com medo de alguma coisa, será? qual foi a emissora que confirmou que o gol era irregular?
    abraços
    Mi

  • Tania, parabens, pelo texto e colocações perfeitas, ja que desde o expresidente da marginal sem numero assumiu, um cargo na CBF, temos problemas, mas houve um rompimento no esquema, o titulo invicto da Copa do Brasil, desta maneira estão se esforçando para prejudicar de todas as formas o clube, que creio conquistara os pontos necessarios para escapar.

    • FURBO2003

       A Copa do BR foi desenhada em sua tabela de forma para q os bambi
      vencessem a competição em final contra o gremio ou cruzeiro (esse conseguiu perder pro CAP 2x)… infelizmente para a
      CBF e felizmente para o futebol, houveram 2 partidas inpensáveis: a
      primeira q foi a vitória heróica dos 5 min no Olímpico, aquilo ng
      esperava nem o mais fanático dos palmeirenses; a segunda foi a vitória
      do time meia boca do coritiba nos bambi, q ñ foi tão surpreendente para
      nós torcedores mas com ctza surpreendeu a CBF e o quartel general dos
      soldados apitadores.

      Na própria semi final já com palmeiras bem encaminhado para final,
      começou a operação para enfraquecer o palmeiras, aquela expulsão
      totalmente sem noção do henrique, todo mundo viu na tv o apitador
      ouvindo instruções EXTERNAS em seu fone pois o bandeirinha estava ao
      lado dele tb atento ao q estavam falando no fone… ali já era um
      preparativo para o q viria à final, o palmeiras seria garfado sem menor
      pudor. (Lembre-se tb q Palmeiras foi prejudicado no apito de forma
      escandalosa nas quartas-finais contra CAP na partida de ida, palmeiras
      era pra ter caído ali na programação da CBF)

      Eis então q ganhamos a Copa do BR no jogo Coritiba x bambi, e ñ me
      refiro por conta do adversário ñ, explico: após a partida, na coletiva
      com a imprensa, o ex-técnico do coritiba (hj no vasco) fez questão de
      peitar a CBF discursando com força nos pulmões que tentaram de todas as
      formas tirar o coxinha das finais, q essa era a RESPOSTA a eles e
      blablabla batendo forte na cbf em uma coletiva, e foi nesse momento q
      palmeiras ganhou um salvo conduto nas finais… a partir de então, aos
      olhos da cbf, ñ importava mais quem ganhasse a competição naquele
      momento… pois eu lhe digo q o coritiba perdeu a copa BR nessas
      declarações do técnico, se ñ fosse esse detalhe, acho q a taça teria
      outro destino e com ctza com arbritagem super polêmica e tendenciosa.

      Infelizmente pro Palmeiras, vencer a COPA BR foi a coroação da
      mediocridade, estamos pagando o preço por isso, mas essa é a minha visão
      do q ocorreu de fato nessa competição, eu ñ me enganei em momento algum
      quanto a qualidade dessa equipe, torci sim para que esse título
      trouxesse calma no planejamento do 2º semestre e posterior 2013, porém
      minha torcida foi em vão pois isso ñ ocorreu (essa foi minha ilusão).

  • Claudio Longo

    Tania, parabens, pelo texto e colocações perfeitas, ja que desde o expresidente da marginal sem numero assumiu, um cargo na CBF, temos problemas, mas houve um rompimento no esquema, o titulo invicto da Copa do Brasil, desta maneira estão se esforçando para prejudicar de todas as formas o clube, que creio conquistara os pontos necessarios para escapar.

    • FURBO2003

       A Copa do BR foi desenhada em sua tabela de forma para q os bambi
      vencessem a competição em final contra o gremio ou cruzeiro (esse conseguiu perder pro CAP 2x)… infelizmente para a
      CBF e felizmente para o futebol, houveram 2 partidas inpensáveis: a
      primeira q foi a vitória heróica dos 5 min no Olímpico, aquilo ng
      esperava nem o mais fanático dos palmeirenses; a segunda foi a vitória
      do time meia boca do coritiba nos bambi, q ñ foi tão surpreendente para
      nós torcedores mas com ctza surpreendeu a CBF e o quartel general dos
      soldados apitadores.

      Na própria semi final já com palmeiras bem encaminhado para final,
      começou a operação para enfraquecer o palmeiras, aquela expulsão
      totalmente sem noção do henrique, todo mundo viu na tv o apitador
      ouvindo instruções EXTERNAS em seu fone pois o bandeirinha estava ao
      lado dele tb atento ao q estavam falando no fone… ali já era um
      preparativo para o q viria à final, o palmeiras seria garfado sem menor
      pudor. (Lembre-se tb q Palmeiras foi prejudicado no apito de forma
      escandalosa nas quartas-finais contra CAP na partida de ida, palmeiras
      era pra ter caído ali na programação da CBF)

      Eis então q ganhamos a Copa do BR no jogo Coritiba x bambi, e ñ me
      refiro por conta do adversário ñ, explico: após a partida, na coletiva
      com a imprensa, o ex-técnico do coritiba (hj no vasco) fez questão de
      peitar a CBF discursando com força nos pulmões que tentaram de todas as
      formas tirar o coxinha das finais, q essa era a RESPOSTA a eles e
      blablabla batendo forte na cbf em uma coletiva, e foi nesse momento q
      palmeiras ganhou um salvo conduto nas finais… a partir de então, aos
      olhos da cbf, ñ importava mais quem ganhasse a competição naquele
      momento… pois eu lhe digo q o coritiba perdeu a copa BR nessas
      declarações do técnico, se ñ fosse esse detalhe, acho q a taça teria
      outro destino e com ctza com arbritagem super polêmica e tendenciosa.

      Infelizmente pro Palmeiras, vencer a COPA BR foi a coroação da
      mediocridade, estamos pagando o preço por isso, mas essa é a minha visão
      do q ocorreu de fato nessa competição, eu ñ me enganei em momento algum
      quanto a qualidade dessa equipe, torci sim para que esse título
      trouxesse calma no planejamento do 2º semestre e posterior 2013, porém
      minha torcida foi em vão pois isso ñ ocorreu (essa foi minha ilusão).

  • Wilton Silva

    parabéns pelo trabalho!

  • Wilton Silva

    parabéns pelo trabalho!

  • 22fernandomarques22

    Tânia: num certo momento, lendo e vendo os videos, meus olhos se encheram de lágrimas. Lágrimas de indignação. 

    Que bom que vc teve a grandeza de reunir todas estas infos, com imagens e declarações que provam que “NÃO SOMOS PARANÓICOS, E QUE SÓ NÓS ENXERGAMOS UMA TEORIA DE CONSPIRAÇÃO CONTRA NÓS MESMOS”.Usam sim duas medidas para o mesmo peso. A prova está aí.

    A realidade está aí. Os fatos, as imagens, as declarações dos dissimulados são suficientes para revelar a falsa imagem de bons moços que agora querem travestir.Como diriam os Titãs: “oncinha pintada, zebrinha listrada, coelhinho peludo! VÃO SI FUDÊ!!!”. (cambada de cínicos…)

    • taniaclorofila

      Fernando,

      Isso mesmo, Fernando. Ficamos indignados diante de tanta “moral” mentirosa, diante de tanta hipocrisia! O que esses senhores falam agora é totalmente diferente do que disseram em outra oportunidade onde ocorreu a mesma situação.
      Que moral tem uma pessoa para falar da outra, se o que ela critica agora, ela já louvou e comemorou há algum tempo atrás?Que credibilidade têm as suas declarações?

      Vc tem razão e os Titãs tb… hahahaha 

  • 22fernandomarques22

    Tânia: num certo momento, lendo e vendo os videos, meus olhos se encheram de lágrimas. Lágrimas de indignação. 

    Que bom que vc teve a grandeza de reunir todas estas infos, com imagens e declarações que provam que “NÃO SOMOS PARANÓICOS, E QUE SÓ NÓS ENXERGAMOS UMA TEORIA DE CONSPIRAÇÃO CONTRA NÓS MESMOS”.Usam sim duas medidas para o mesmo peso. A prova está aí.

    A realidade está aí. Os fatos, as imagens, as declarações dos dissimulados são suficientes para revelar a falsa imagem de bons moços que agora querem travestir.Como diriam os Titãs: “oncinha pintada, zebrinha listrada, coelhinho peludo! VÃO SI FUDÊ!!!”. (cambada de cínicos…)

    • taniaclorofila

      Fernando,

      Isso mesmo, Fernando. Ficamos indignados diante de tanta “moral” mentirosa, diante de tanta hipocrisia! O que esses senhores falam agora é totalmente diferente do que disseram em outra oportunidade onde ocorreu a mesma situação.
      Que moral tem uma pessoa para falar da outra, se o que ela critica agora, ela já louvou e comemorou há algum tempo atrás?Que credibilidade têm as suas declarações?

      Vc tem razão e os Titãs tb… hahahaha 

  • SENSACIONAL!!! PARABÉNS!!!

  • SENSACIONAL!!! PARABÉNS!!!

  • Fábio

    Cadê a hombridade do Índio para admitir que fez pênalti no Barcos?

  • Fábio

    Cadê a hombridade do Índio para admitir que fez pênalti no Barcos?

  • Perfeita a sua análise! Em todos os sentidos Tânia!

  • Daniel Vieira

    Perfeita a sua análise! Em todos os sentidos Tânia!

  • Brilhante!!!!

  • taniaclorofila

    Alguns comentários estão indo parar, equivocadamente, na caixa de e-mails do blog. É um probleminha com o blog e não com os leitores. Em todo caso, vou colá-lo aqui.

    De:Fernando Duarte 
    Enviada:quinta-feira, 1 de novembro de 2012 02:11:07
    Para:blogdaclorofila

    Meu Deus palmeirenses, até quando vcs somatizarão esse rosário de lamentações centenárias ? Todos os exemplos tirados do baú são lamentáveis e só demonstra a crise ética que assola nossa sociedade, e não serve como justificativa para novos absurdos. O que se deseja comprovar ? Que devido a anos de excrescências vamos aceitar mais uma ? Vcs estão fazendo um papel patético, lutando pelo imoral e cultivando esse mimimi de que existe um complô mundial para prejudicar o Palmeiras e blá blá blá. Cresçam. Ponham aquelas múmias que destroem o clube há décadas para fora. Profissionalizem a gestão. Trabalhem e parem de fazer esse papel ridículo. NINGUEM viu penalti nenhum. TODOS viram o braço do Barcos. E olhem que ele deveria ter levado cartão e não levou. Vai jogar contra o Botafogo e não deveria. Só palmeirenses defendem esse absurdo (e mesmo assim nem todos !). Repito: Cresçam, ou fiquem tapando o sol com a peneira para sempre.

    • taniaclorofila

      Fernando,

      A data dos exemplos não tem a menor importância, é totalmente irrelevante. O que está sendo mostrado aqui é que essas pessoas, quantificadoras da moral alheia, têm dois tipos de ‘moral’, dependendo da situação. Ou melhor, talvez elas tenham só um tipo de algo que imaginam ser moral, a da conveniência. Dependendo do que for conveniente uma coisa passa a ser ilegal, ou não.

      Vc diz que estamos lutando por algo imoral… Acho que você deveria procurar saber o que são  os termos jurídicos “erro de direito” e “erro de fato”. 

      Mas vc falta com a verdade (e isso não é legal) quando diz: TODOS VIRAM O BRAÇO DO BARCOS. Isso é mentira! Ninguém viu a mão de Barcos. Tanto não viu, que juiz e bandeira nada marcaram, juiz da linha de fundo tb nada viu, o narrador da TV tb só viu depois do replay . Precisaram consultar as imagens dos repórteres porque ninguém tinha visto nada.

      Não seria preciso que se esperasse um tempão para que a arbitragem se comunicasse através dos fones que usam. Demoraram muito pq estavam se utilizando de algo que não é permitido pela Fifa, como a repórter Thayná da Band confirmou na ocasião.

      Isso é um erro de direito e ele se sobrepõe ao erro de fato que foi o gol de mão.

      E, já que só viram o erro de fato através das imagens, teriam totais condições de ver também o pênalti cometido pelo jogador do Internacional. As imagens são claras e não as vê quem não quer, ou quem tem qualquer outra intenção.

  • taniaclorofila

    Alguns comentários estão indo parar, equivocadamente, na caixa de e-mails do blog. É um probleminha com o blog e não com os leitores. Em todo caso, vou colá-lo aqui.

    De:Fernando Duarte 
    Enviada:quinta-feira, 1 de novembro de 2012 02:11:07
    Para:blogdaclorofila

    Meu Deus palmeirenses, até quando vcs somatizarão esse rosário de lamentações centenárias ? Todos os exemplos tirados do baú são lamentáveis e só demonstra a crise ética que assola nossa sociedade, e não serve como justificativa para novos absurdos. O que se deseja comprovar ? Que devido a anos de excrescências vamos aceitar mais uma ? Vcs estão fazendo um papel patético, lutando pelo imoral e cultivando esse mimimi de que existe um complô mundial para prejudicar o Palmeiras e blá blá blá. Cresçam. Ponham aquelas múmias que destroem o clube há décadas para fora. Profissionalizem a gestão. Trabalhem e parem de fazer esse papel ridículo. NINGUEM viu penalti nenhum. TODOS viram o braço do Barcos. E olhem que ele deveria ter levado cartão e não levou. Vai jogar contra o Botafogo e não deveria. Só palmeirenses defendem esse absurdo (e mesmo assim nem todos !). Repito: Cresçam, ou fiquem tapando o sol com a peneira para sempre.

    • taniaclorofila

      Fernando,

      A data dos exemplos não tem a menor importância, é totalmente irrelevante. O que está sendo mostrado aqui é que essas pessoas, quantificadoras da moral alheia, têm dois tipos de ‘moral’, dependendo da situação. Ou melhor, talvez elas tenham só um tipo de algo que imaginam ser moral, a da conveniência. Dependendo do que for conveniente uma coisa passa a ser ilegal, ou não.

      Vc diz que estamos lutando por algo imoral… Acho que você deveria procurar saber o que são  os termos jurídicos “erro de direito” e “erro de fato”. 

      Mas vc falta com a verdade (e isso não é legal) quando diz: TODOS VIRAM O BRAÇO DO BARCOS. Isso é mentira! Ninguém viu a mão de Barcos. Tanto não viu, que juiz e bandeira nada marcaram, juiz da linha de fundo tb nada viu, o narrador da TV tb só viu depois do replay . Precisaram consultar as imagens dos repórteres porque ninguém tinha visto nada.

      Não seria preciso que se esperasse um tempão para que a arbitragem se comunicasse através dos fones que usam. Demoraram muito pq estavam se utilizando de algo que não é permitido pela Fifa, como a repórter Thayná da Band confirmou na ocasião.

      Isso é um erro de direito e ele se sobrepõe ao erro de fato que foi o gol de mão.

      E, já que só viram o erro de fato através das imagens, teriam totais condições de ver também o pênalti cometido pelo jogador do Internacional. As imagens são claras e não as vê quem não quer, ou quem tem qualquer outra intenção.

  • Waldeyer Mischiatti

    é isso  ai!!!

  • Peter

    é… resumindo: o Palmeiras vai cair porque “tão de sacanagem”. E não porque tem a pior diretoria de time grande do país, não porque foi derrotado 19 vezes em 33 partidas (só pior que ATL-GO), não porque tem uma torcida que endeusa Valdívia, Keirrison, e Mazinho, tamanha a falta de bons jogadores e ídolos nos ultimos anos…
    O Palmeiras vai cair por causa da polêmica mão do Barcos! Que SACANAGEM né?

    • taniaclorofila

      Peter,

      Pelo seu resumo, vejo que você teve dificuldade para entender do que trata o texto.
      O assunto discutido aqui é outro. 

  • PALMEIRASEMPRE

    Clorofila, parabéns!!! 
    ler o seu texto foi quase um calmante para a cabeça quente.
    acho vc falou o que todo palmeirense gostaria de ler e, principalmente, mostrando provas.
    os torcedores da eccp, como o maldito JUCA KFURO, querem manchar nossa GLORIOSA história pq eles sim estão com lama até o pescoço. construindo o MARGINALZÃO  com o suado dinheiro do povo brasileiro.
    seu texto deveria ser emoldurado e exibido no hall de entrada de nossa ARENA.
    PARABÉNS novamente.

  • Marco

    RESPOSTAS PARA A GLOBO/SPORTV
    Caso consigam completar o trabalho de rebaixar o
    Palmeiras para a série B:
    1 – Cancelar os
    pacotes de PPV;
    2 – Em hipótese
    alguma comprar o pacote da série B. Assistir em bar ou na TV aberta, menos na
    Globo;
    3 – Optar
    sempre pelos produtos concorrentes dos patrocinadores da Globo, do Sportv e do
    Ronaldo Gorducho;
    4 – Usar todos
    os meios de comunicação disponíveis para espalhar essa campanha;
    5 – Ajudar pela
    “Mídia Palestrina” a abrir os olhos dos torcedores ingênuos.

  • Andre Calandrino

    Muito bom e muito bem argumentado, parabéns! 

  • Bruno Massa

    O ponto pra mim não é nem o penalti sofrido pelo Barcos. Dentre tantos ëspecialistas e “jornalistas”, os dois únicos que vi serem coerentes, pasmem os senhores… Foram Casagrande e Thomaz Rafael na Transamérica. O Casão que é quase um filósofo, disse em alto e bom som no Bem amigos do Sportv na segunda feira após a piadinha do ingênuo Ronaldo, que “Todo jogador é malandro, quando foi o Maradona era lindo, que espetáculo e quando foi o Barcos crucifica o cara…”. 

    Mas o que mais concordo é o que o Thomaz Rafael disse no programa Papo de Craque da ultima segunda feira. Segundo ele, caso o árbitro estivesse correto em anular o gol do Palmeiras, teriam que voltar pelo menos uns cinco jogos em que comprovadamente o Palmeiras fora prejudicado. E aí? Como faz?

  • Bruno Massa

    O ponto pra mim não é nem o penalti sofrido pelo Barcos. Dentre tantos ëspecialistas e “jornalistas”, os dois únicos que vi serem coerentes, pasmem os senhores… Foram Casagrande e Thomaz Rafael na Transamérica. O Casão que é quase um filósofo, disse em alto e bom som no Bem amigos do Sportv na segunda feira após a piadinha do ingênuo Ronaldo, que “Todo jogador é malandro, quando foi o Maradona era lindo, que espetáculo e quando foi o Barcos crucifica o cara…”. 

    Mas o que mais concordo é o que o Thomaz Rafael disse no programa Papo de Craque da ultima segunda feira. Segundo ele, caso o árbitro estivesse correto em anular o gol do Palmeiras, teriam que voltar pelo menos uns cinco jogos em que comprovadamente o Palmeiras fora prejudicado. E aí? Como faz?

  • Piruka_31

    Muita hipocrísia…qdo é favor de seu time alguém reclama!?Futebol não tem Fair Play…ta na essência!Acho errado intervirem…quem manda é o trio(quinteto) não tem essa…erraram em não ver a braçada e ao deixarem a TV se envolver…o Rio Grande do Sul é o estado mais bairrista do Brasil…lá já se viu de tudo!Se isso fosse contra o Náutico ou Coritiba mais ou menos no meio da tabela não teria repercussão nenhum e seria apenas um fato!Agora contra o time de verde não se pode errar!Confesso que esse ano erraram muito contra vocês, mas se o futebol fosse bem jogado e menos falado nada disso estaria acontecendo!VIVA AO FUTEBOL e não a Televisão!

  • Piruka_31

    Muita hipocrísia…qdo é favor de seu time alguém reclama!?Futebol não tem Fair Play…ta na essência!Acho errado intervirem…quem manda é o trio(quinteto) não tem essa…erraram em não ver a braçada e ao deixarem a TV se envolver…o Rio Grande do Sul é o estado mais bairrista do Brasil…lá já se viu de tudo!Se isso fosse contra o Náutico ou Coritiba mais ou menos no meio da tabela não teria repercussão nenhum e seria apenas um fato!Agora contra o time de verde não se pode errar!Confesso que esse ano erraram muito contra vocês, mas se o futebol fosse bem jogado e menos falado nada disso estaria acontecendo!VIVA AO FUTEBOL e não a Televisão!

  • taniaclorofila

    Vou colar aqui, um texto muito interessante sobre o assunto abordado no blog.
    Reparem bem em quem o assina…

    Jorge Souto Maior: Um legítimo gol de mão
    publicado em 1 de novembro de 2012 às 14:51
    por Jorge Luiz Souto Maior

    Indo direto ao assunto:
    Observados os critérios admitidos até aqui, o Palmeiras tem razão.
    Não se trata de defender a esperteza ou de impedir que a ética impere no futebol.
    Trata-se de demonstrar que, de fato, esses valores não estão envolvidos no polêmico gol do atacante do Palmeiras, Barcos, contra o Internacional.

    Gol de mão não vale, assim como não são válidos os gols com o jogador em posição de impedimento, gols frutos de pênalti que não ocorreu, mas que mesmo assim foi marcado pelo juiz, gol em que a bola de fato não entrou…

    A questão não está, portanto, em defender a validade de um gol feito de forma irregular. A questão é de outra ordem e diz respeito à competência: quem tem a competência para invalidar o gol?

    Em termos jurídicos, pode-se dizer que há o direito, mas há, também, a atribuição institucional do poder de dizer o direito, o poder jurisdicional, que, para não ser absoluto, dentro da ordem democrática, é distribuído por atribuições, a competência.

    A um juiz, admitido por concurso, respeitadas as regras de distribuição de competências, cabe dizer o direito, obedecido o devido processo legal, isto é, o direito de defesa e as oportunidades na produção de provas pertinentes ao caso. A decisão do juiz é submetida a recurso por iniciativa da parte que a considere equivocada. O que não se admite é que alguém vá ao juiz e diga como ele deve julgar.

    No futebol, o denominado “juiz” também deve observar as regras para dizer o “direito”. Mas, sua decisão é muito mais dinâmica, pois diz o direito no momento em que fato está ocorrendo. Não há um tempo para a depuração do fato, mediante produção de provas e apresentação de versões das partes envolvidas.Fosse de outro modo, o jogo não se realizaria.Dentro dessa dinâmica, o juiz de futebol, homem que é, está sujeito a errar e não raro seus erros são induzidos pelos atletas, que simulam situações ou mesmo sentem agressões que de fato não ocorreram, envolvidos que estão, emocionalmente, com o jogo. O futebol é um jogo, não é um debate acadêmico que se realiza em salas climatizadas.

    Para possibilitar a ocorrência do jogo, o juiz atua como um árbitro, ou seja, sua decisão não está submetida a recurso. É por isso que, abstraindo a má-fé, que não pode ser presumida, muitas partidas de futebol ao longo da história foram resolvidas a partir de equívocos do juiz, pois é dele a competência para dizer o direito naquele instante e de forma definitiva, ou seja, sem possibilidade de recurso.

    Esse é um problema com o qual o futebol, pelo menos até o presente momento, teve que conviver.

    Não se trata, pois, de um problema ético e sim de definição das atribuições para a aplicação das regras do futebol no sentido de permitir o desenvolvimento do jogo.

    É possível e necessário aprimorar essa distribuição de competência? Essa é uma discussão infindável nos meios futebolísticos, que tem encontrado na própria entidade que organiza o esporte, a FIFA, muita resistência.

    Mesmo assim, já houve evolução a respeito, por exemplo, com o aumento do número de árbitros e com a instauração de mecanismos de comunicação entre eles, tendo havido, inclusive, o compartilhamento da competência do árbitro principal com seus auxiliares.

    Mas, não houve, ao menos até agora, a instituição de um mecanismo externo para auxiliar o juiz na verificação de casos complexos, inclusive com o estabelecimento do procedimento para definição de quais seriam as situações em que se admitiriam a adoção do recurso e as formas de sua instauração (requerimento da parte etc.). Em outros esportes, como o tênis e o hóquei na grama, é possível aos competidores pleitearem que um mecanismo externo, tecnológico, seja utilizado para dirimir uma dúvida acerca da arbitragem, mas há regras procedimentais definidas para tanto.

    No futebol mudança neste sentido seria bastante oportuna, pois há que se privilegiar o esporte, favorecendo o mérito de quem o de fato tenha e não o esperto, o que faz gol de mão, o que finge uma falta, o que faz cera etc.

    Mas, não estamos falando do futuro. No presente, as regras estabelecidas são estas e não é possível que a decisão dos árbitros seja influenciada por elementos externos, até porque não se procedimentalizando a forma da externalização não se tem qualquer garantia de que a interferência não venha a ser realizada por razões alheias ao mérito esportivo ou mesmo de que não seja fruto de outra avaliação equivocada. Quem tem autoridade para dizer ao árbitro que ele errou e que mude sua decisão?

    Mas, deve prevalecer o gol de mão impunemente? Chegar a essa conclusão não seria beneficiar o infrator? Seria ético defender um gol de mão?

    Como dito, não se trata de uma questão ética, mas de definição prévia das regras de competência e do respeito ao procedimento estabelecido. E, de todo modo, se não é ético defender um gol de mão, menos ético ainda é forjar a situação para que seja artificialmente adaptada, dizendo que o juiz foi avisado pelo quarto árbitro quando todo mundo que viu o jogo (mesmo pela TV, como foi o meu caso) percebeu que nenhum dos árbitros viu o gol de mão. O tal quarto árbitro chegou a dizer, depois, que viu “alguém” batendo a mão na bola, mas daí a chegar à conclusão de que foi o Barcos vai uma distância muito grande…

    Então, aqueles que estão defendendo a ética deviam também se preocupar em preservá-la no aspecto do procedimento, admitindo que houve a interferência externa. E, ao chegarem a esta conclusão, do permissivo da interferência externa, devem explicar com base em que procedimento ela foi legitimada, sendo que, doravante, tal procedimento deverá valer em todos os jogos, vez que não se podem fixar regras procedimentais por exceção, como não pode haver juízo de exceção. Não se podem criar regras procedimentais específicas e juízes específicos para situações especiais, ainda que os propósitos sejam, em princípio, bastante dignos, pois que isso abre a porta para a derrocada do Estado Democrático de Direito.

    De forma mais clara, se o que ocorreu no jogo do Palmeiras for legitimado, dever-se-á abrir a possibilidade para que qualquer time, o próprio Palmeiras, por exemplo, diante de um gol sofrido que considere irregular, mas que tenha sido validado pelo juiz, peça, ainda durante a partida, que se acionem os meios televisivos para que se “tire a teima”, devendo o juiz voltar atrás em sua decisão, caso seja demonstrado o erro.

    Se não for assim, estaremos assistindo um grave atentado à ordem jurídica democrática, notadamente no ferimento das regras do juiz natural e da legitimidade do procedimento, ainda que pautado por bons propósitos.

    São Paulo, 1º./11/12.Jorge Luiz Souto Maior é juiz do Trabalho e Professor de Direito do Trabalho da Faculdade de Direito da USP.

  • taniaclorofila

    Vou colar aqui, um texto muito interessante sobre o assunto abordado no blog.
    Reparem bem em quem o assina…

    Jorge Souto Maior: Um legítimo gol de mão
    publicado em 1 de novembro de 2012 às 14:51
    por Jorge Luiz Souto Maior

    Indo direto ao assunto:
    Observados os critérios admitidos até aqui, o Palmeiras tem razão.
    Não se trata de defender a esperteza ou de impedir que a ética impere no futebol.
    Trata-se de demonstrar que, de fato, esses valores não estão envolvidos no polêmico gol do atacante do Palmeiras, Barcos, contra o Internacional.
    Gol de mão não vale, assim como não são válidos os gols com o jogador em posição de impedimento, gols frutos de pênalti que não ocorreu, mas que mesmo assim foi marcado pelo juiz, gol em que a bola de fato não entrou…
    A questão não está, portanto, em defender a validade de um gol feito de forma irregular. A questão é de outra ordem e diz respeito à competência: quem tem a competência para invalidar o gol?
    Em termos jurídicos, pode-se dizer que há o direito, mas há, também, a atribuição institucional do poder de dizer o direito, o poder jurisdicional, que, para não ser absoluto, dentro da ordem democrática, é distribuído por atribuições, a competência.
    A um juiz, admitido por concurso, respeitadas as regras de distribuição de competências, cabe dizer o direito, obedecido o devido processo legal, isto é, o direito de defesa e as oportunidades na produção de provas pertinentes ao caso. A decisão do juiz é submetida a recurso por iniciativa da parte que a considere equivocada. O que não se admite é que alguém vá ao juiz e diga como ele deve julgar.No futebol, o denominado “juiz” também deve observar as regras para dizer o “direito”. Mas, sua decisão é muito mais dinâmica, pois diz o direito no momento em que fato está ocorrendo. Não há um tempo para a depuração do fato, mediante produção de provas e apresentação de versões das partes envolvidas.Fosse de outro modo, o jogo não se realizaria.
    Dentro dessa dinâmica, o juiz de futebol, homem que é, está sujeito a errar e não raro seus erros são induzidos pelos atletas, que simulam situações ou mesmo sentem agressões que de fato não ocorreram, envolvidos que estão, emocionalmente, com o jogo. O futebol é um jogo, não é um debate acadêmico que se realiza em salas climatizadas.Para possibilitar a ocorrência do jogo, o juiz atua como um árbitro, ou seja, sua decisão não está submetida a recurso. É por isso que, abstraindo a má-fé, que não pode ser presumida, muitas partidas de futebol ao longo da história foram resolvidas a partir de equívocos do juiz, pois é dele a competência para dizer o direito naquele instante e de forma definitiva, ou seja, sem possibilidade de recurso.Esse é um problema com o qual o futebol, pelo menos até o presente momento, teve que conviver.Não se trata, pois, de um problema ético e sim de definição das atribuições para a aplicação das regras do futebol no sentido de permitir o desenvolvimento do jogo.É possível e necessário aprimorar essa distribuição de competência? Essa é uma discussão infindável nos meios futebolísticos, que tem encontrado na própria entidade que organiza o esporte, a FIFA, muita resistência.Mesmo assim, já houve evolução a respeito, por exemplo, com o aumento do número de árbitros e com a instauração de mecanismos de comunicação entre eles, tendo havido, inclusive, o compartilhamento da competência do árbitro principal com seus auxiliares.Mas, não houve, ao menos até agora, a instituição de um mecanismo externo para auxiliar o juiz na verificação de casos complexos, inclusive com o estabelecimento do procedimento para definição de quais seriam as situações em que se admitiriam a adoção do recurso e as formas de sua instauração (requerimento da parte etc.). Em outros esportes, como o tênis e o hóquei na grama, é possível aos competidores pleitearem que um mecanismo externo, tecnológico, seja utilizado para dirimir uma dúvida acerca da arbitragem, mas há regras procedimentais definidas para tanto.No futebol mudança neste sentido seria bastante oportuna, pois há que se privilegiar o esporte, favorecendo o mérito de quem o de fato tenha e não o esperto, o que faz gol de mão, o que finge uma falta, o que faz cera etc.Mas, não estamos falando do futuro. No presente, as regras estabelecidas são estas e não é possível que a decisão dos árbitros seja influenciada por elementos externos, até porque não se procedimentalizando a forma da externalização não se tem qualquer garantia de que a interferência não venha a ser realizada por razões alheias ao mérito esportivo ou mesmo de que não seja fruto de outra avaliação equivocada. Quem tem autoridade para dizer ao árbitro que ele errou e que mude sua decisão?Mas, deve prevalecer o gol de mão impunemente? Chegar a essa conclusão não seria beneficiar o infrator? Seria ético defender um gol de mão?Como dito, não se trata de uma questão ética, mas de definição prévia das regras de competência e do respeito ao procedimento estabelecido. E, de todo modo, se não é ético defender um gol de mão, menos ético ainda é forjar a situação para que seja artificialmente adaptada, dizendo que o juiz foi avisado pelo quarto árbitro quando todo mundo que viu o jogo (mesmo pela TV, como foi o meu caso) percebeu que nenhum dos árbitros viu o gol de mão. O tal quarto árbitro chegou a dizer, depois, que viu “alguém” batendo a mão na bola, mas daí a chegar à conclusão de que foi o Barcos vai uma distância muito grande…Então, aqueles que estão defendendo a ética deviam também se preocupar em preservá-la no aspecto do procedimento, admitindo que houve a interferência externa. E, ao chegarem a esta conclusão, do permissivo da interferência externa, devem explicar com base em que procedimento ela foi legitimada, sendo que, doravante, tal procedimento deverá valer em todos os jogos, vez que não se podem fixar regras procedimentais por exceção, como não pode haver juízo de exceção. Não se podem criar regras procedimentais específicas e juízes específicos para situações especiais, ainda que os propósitos sejam, em princípio, bastante dignos, pois que isso abre a porta para a derrocada do Estado Democrático de Direito.De forma mais clara, se o que ocorreu no jogo do Palmeiras for legitimado, dever-se-á abrir a possibilidade para que qualquer time, o próprio Palmeiras, por exemplo, diante de um gol sofrido que considere irregular, mas que tenha sido validado pelo juiz, peça, ainda durante a partida, que se acionem os meios televisivos para que se “tire a teima”, devendo o juiz voltar atrás em sua decisão, caso seja demonstrado o erro.Se não for assim, estaremos assistindo um grave atentado à ordem jurídica democrática, notadamente no ferimento das regras do juiz natural e da legitimidade do procedimento, ainda que pautado por bons propósitos.São Paulo, 1º./11/12.Jorge Luiz Souto Maior é juiz do Trabalho e Professor de Direito do Trabalho da Faculdade de Direito da USP.

  • Olha galera da nojo dessa imprensa não tem um que defenda o palmeiras,eu estou evitando até de assistir certos programas.E a band então o dr osmar junto com o ex goleiro que eu evito até falar o nome quase bate no ulisses costa porque era o unico defendendo o palmeiras.

  • taniaclorofila

    Amigos, 

    Estou recebendo vários outros comentários, que não estão aparecendo aqui, mesmo após terem sido liberados.
    Me desculpem, já está sendo providenciada a solução para esse problema e logo eles estarão todos aqui.

    Grata
    Tânia Clorofila

  • taniaclorofila

    Amigos, 

    Estou recebendo vários outros comentários, que não estão aparecendo aqui, mesmo após terem sido liberados.
    Me desculpem, já está sendo providenciada a solução para esse problema e logo eles estarão todos aqui.

    Grata
    Tânia Clorofila

  • taniaclorofila

    Como estamos tendo problemas com os comentários do blog, alguns estão indo parar em minha caixa de e-mails. Acho que é pertinente colá-los aqui.

    De:  Welton Guerra
    Enviado: 01/11/2012 às 23:38
    Para: Blog da Clorofila

    Honestidade dos Desonestos

    Hoje pela manhã meu filhinho de quatro anos me interpelou em tom de revolta:

    -Pai, Pai! O Palmeiras está pedindo a anulação do jogo contra o Inter.

    Eu disse pra ele que o clube realmente apresentou uma impugnação formal requerendo a anulação do jogo etc, mas ele indignado insistiu:

    -Mas Pai, o gol foi com a mão! Não é justo!!!!

    Eu tentei explicar a ele que o Palmeiras está discutindo a impossibilidade de se utilizar a tecnologia como auxílio ao árbitro, o que é proibido pela Fifa, mas meu pequeno insistiu em sua posição demonstrando convicção ainda maior:

    -Mas Pai, a tecnologia não pode ser proibida! Nós vimos pela televisão que no jogo contra o Cruzeiro o Palmeiras levou um gol impedido e o outro a falta foi fora da área. Nós vimos também pela televisão no jogo contra o Botafogo que o Barcos não estava impedido. Também vimos nos jogos contra o Bahia, Vasco, Atletico Goianiense que certamente o Palmeiras teria vencido não fossem os erros do juiz.

    Foi então que no auge da sua ingenuidade ele apresentou o argumento mais legitimo que uma pessoa honesta poderia ter:

    -Então Pai, se o Palmeiras não reclamar da utilização da tecnologia agora, nas próximas rodadas se houver algum lance polêmico é só o juiz pedir o replay pro reporter e o Palmeiras nunca mais será prejudicado.

    –This mail is sent via contact form on Blog da Clorofila http://blogdaclorofila.sopalmeiras.com

  • taniaclorofila

    Como estamos tendo problemas com os comentários do blog, alguns estão indo parar em minha caixa de e-mails. Acho que é pertinente colá-los aqui.

    De:  Welton Guerra
    Enviado: 01/11/2012 às 23:38
    Para: Blog da Clorofila

    Honestidade dos Desonestos

    Hoje pela manhã meu filhinho de quatro anos me interpelou em tom de revolta:

    -Pai, Pai! O Palmeiras está pedindo a anulação do jogo contra o Inter.

    Eu disse pra ele que o clube realmente apresentou uma impugnação formal requerendo a anulação do jogo etc, mas ele indignado insistiu:

    -Mas Pai, o gol foi com a mão! Não é justo!!!!

    Eu tentei explicar a ele que o Palmeiras está discutindo a impossibilidade de se utilizar a tecnologia como auxílio ao árbitro, o que é proibido pela Fifa, mas meu pequeno insistiu em sua posição demonstrando convicção ainda maior:

    -Mas Pai, a tecnologia não pode ser proibida! Nós vimos pela televisão que no jogo contra o Cruzeiro o Palmeiras levou um gol impedido e o outro a falta foi fora da área. Nós vimos também pela televisão no jogo contra o Botafogo que o Barcos não estava impedido. Também vimos nos jogos contra o Bahia, Vasco, Atletico Goianiense que certamente o Palmeiras teria vencido não fossem os erros do juiz.

    Foi então que no auge da sua ingenuidade ele apresentou o argumento mais legitimo que uma pessoa honesta poderia ter:

    -Então Pai, se o Palmeiras não reclamar da utilização da tecnologia agora, nas próximas rodadas se houver algum lance polêmico é só o juiz pedir o replay pro reporter e o Palmeiras nunca mais será prejudicado.

    –This mail is sent via contact form on Blog da Clorofila http://blogdaclorofila.sopalmeiras.com

  • Agora sim, nada mais a declarar!

  • César Eduardo Forastiero

    Agora sim, nada mais a declarar!

  • marcelovmp

    sinceramente ñ estou nem ligando se vai o ñ ter outro jogo contra Inter , acho q nem vai ter mesmo … e mais pelo fato de ”abrir os olhos ” da FIFA pelo q esta acontecendo na arbitragem brasileira .. na Europa já estão comentando este caso de interferência externa nos jogos do Brasil , CBF vai ter q tomar uma decisão sobre o caso .. Mais a imprensa Brasileira deveria ficar mais encima neste caso . mais como a imprensa de futebol esta cheio de TORCEDORES e não PROFISSIONAIS , ficam tentando distorce o caso , falam tanta bosta só pq é um time rival do q eles torcem … bandos de vendidos , tem reportes que se vende por um churrasco em final de ano né ?

  • marcelovmp

    sinceramente ñ estou nem ligando se vai o ñ ter outro jogo contra Inter , acho q nem vai ter mesmo … e mais pelo fato de ”abrir os olhos ” da FIFA pelo q esta acontecendo na arbitragem brasileira .. na Europa já estão comentando este caso de interferência externa nos jogos do Brasil , CBF vai ter q tomar uma decisão sobre o caso .. Mais a imprensa Brasileira deveria ficar mais encima neste caso . mais como a imprensa de futebol esta cheio de TORCEDORES e não PROFISSIONAIS , ficam tentando distorce o caso , falam tanta bosta só pq é um time rival do q eles torcem … bandos de vendidos , tem reportes que se vende por um churrasco em final de ano né ?

  • Andreia Russi

    Brilhante seu texto,vc resumiu bem. Porque em alguns casos pode gol de MÃO e no caso do palmeiras NÃO PODE ??? Essa imprensa é muito nojenta, principalmente a rede globo que manipula a mente humana. CHEGA de rede globo, vamos parar de dar ibope p/ essa gente suja. Por isso que em todos jogos do verdão eu escuto o jogo na WEB RÁDIO VERDÃO. Vamos dar ibope p/ quem merece.

    “Palmeiras amor eterno”

  • Andreia Russi

    Brilhante seu texto,vc resumiu bem. Porque em alguns casos pode gol de MÃO e no caso do palmeiras NÃO PODE ??? Essa imprensa é muito nojenta, principalmente a rede globo que manipula a mente humana. CHEGA de rede globo, vamos parar de dar ibope p/ essa gente suja. Por isso que em todos jogos do verdão eu escuto o jogo na WEB RÁDIO VERDÃO. Vamos dar ibope p/ quem merece.

    “Palmeiras amor eterno”