A JUIZADA ROUBA NO APITO, E A GLOBO, NO TIRA TEIMA

Conseguimos um bom resultado no Paraná, diante do Atlético. Na verdade, bom mesmo, seria termos vencido, mas, um empate lá, depois de termos ficado atrás no placar por duas vezes, depois do juiz ter nos operado sem anestesia, acabou tendo um gosto de vitória. E como a segunda partida é aqui, temos totais condições de passar à próxima fase.

Mas é preciso que se diga que Leandro Amaro no time, não dá! Até Assunção joga melhor na zaga do que ele (e o Thiago Heleno não volta nunca do “Triângulo das Bermudas”). Luan, que consegue a proeza de estragar um contra ataque, em que recebe a bola sozinho, livre, e recua pro goleiro, também não! Maikon Leite, no banco, nem pensar! Ainda bem que a providência divina nos ajudou; quando Felipão ia  tirar Valdivia (que jogou muito bem) e seu “bigode da sorte”, para colocar Patrik, Maurício Ramos pediu substituição!  Uffa! Se fosse para colocar Daniel Carvalho, até ia… mas, Patrik?  Além do mais, tínhamos o João Vítor, que poderia ser substituído sem fazer falta nenhuma. Felipão reclama que não recebe os atletas que pede, e isso é verdade, mas tem uma caída por jogadores com dificuldade para pensar, que vou te contar!

Se a dificuldade fosse só essa, tava bom. Além de termos que ouvir as asneiras do tendencioso, estúpido e falido “pastor comentarista” Muller, do SporTV (será que o Palmeiras ficou devendo algum salário pra ele, quando ele jogou aqui?),  no nosso caminho ainda tinha um gramado pesado (com areia, que atrapalhava o toque e o controle da bola) e um trio de arbitragem pra lá de sem vergonha (o Vasco, lá no RJ, também teria um trio de arbitragem em seu caminho) …

O Palmeiras tinha muita disposição e  demonstrava estar a fim de ganhar o jogo. Valdivia era muito marcado. A zaga palestrina, desatenta, parecia bastante enfraquecida pela ausência de Henrique e pela presença de Leandro Amaro. As jogadas de ataque se alternavam entre as duas equipes. Do lado do Atlético, Guerrón, que Juninho não conseguia marcar, já começava a nos dar trabalho; do lado palestrino, Valdivia tinha que ser parado na falta e Barcos levava perigo muitas vezes.

Aos 16′, um vacilo tamanho GG da nossa defesa, permitiu ao Atlético abrir o placar. A zaga e o goleiro Bruno ficaram olhando a cobrança de falta, o desvio de Renan Foguinho para o meio da área e a conclusão de Bruno Mineiro. Pouco depois, ao dar um carrinho, Maurício Ramos acertou a bola com a mão. Os atleticanos reclamaram.

Para nossa sorte e alegria, cinco minutos depois de tomarmos o gol, Valdivia enfiou uma bola linda, dentro da área, para Barcos. Ele dominou e, com um drible, deixou o marcador no chão e balançou a rede! Sai zica!! E que abraço lindo, de companheiros, o Pirata trocou com o Mago!!

Nem deu tempo da gente comemorar… Um minuto depois, o Atlético marcou o segundo, ou melhor, o árbitro Paulo Henrique Godoy Bezerra (SC)  e o bandeira “marcaram” o segundo. Guerrón recebeu na direita, EM ESCANDALOSO E, MUITO FÁCIL DE SER OBSERVADO, IMPEDIMENTO, tocou para Edigar Junio, que contou com a fase catatônica da defesa palestrina e guardou. Que saco! Na Sportv, o trouxa do Muller quase tinha um chilique, assegurando que Guerrón não estava impedido, aí, viu a imagem e teve que se desdizer… Otário!

Logo em seguida, o Palmeiras cobrou uma falta, o jogador da barreira meteu a mão na bola e o bandeira assinalou… impedimento do Verdão!! Pode uma coisa dessa? Queria saber quem contrata essas “apitadas” pra cima de determinados times…

Valdivia, apesar de muito marcado, jogava bem (enquanto o “pastor comentarista”, tentava de todas as formas plantar a ideia que ele não jogava nada), buscava jogo, municiava os companheiros com belos passes, deixando várias vezes Mazinho e Barcos na cara do gol, sofria muitas faltas, que eram cobradas por Assunção, e levavam muito perigo.  E Assunção quase marcou aos 29′, e mandou uma bola na trave aos 41’… na sequência, Cicinho foi empurrado dentro da área. PÊNALTI, que o juiz fez que não viu.

No segundo tempo, o Palmeiras voltou disposto a sair do prejuízo. Aos 6′, depois de tabelar com Mazinho, Barcos tentou por cobertura. A bola pegou a trave… Que pecado! Seria lindo!

No minuto seguinte, Valdivia, ao buscar uma bola na lateral, foi agredido por Carrasco, técnico do time dos poodles (é assim que eles são conhecidos no Paraná). Esses uruguaios ainda acham que futebol é na porrada? Valdivia ficou muito bravo e o juiz deu cartão pra… ele! E só expulsou o técnico depois, de tanto o Mago reclamar! Segundo o livro de regras da arbitragem brasileira, contra o Palmeiras vale tudo, até mesmo ter jogador agredido pelo técnico adversário. Quero ver o que fará o tribunal!

E o juiz que não viu o pênalti em Cicinho, que não tinha nem visto a agressão em Valdivia, viu a falta que Barcos fez no ataque e deu amarelo pra ele, tirando-o da próxima partida. E voltou a ficar “cego” outra vez! Não tínhamos ainda nem 10 minutos de jogo,  quando João Vítor, que ia sair na cara do goleiro, foi derrubado dentro da pequena área. PÊNALTI, QUE O JUIZ NÃO MARCOU, DE NOVO!

Felipão resolveu fazer duas alterações ao mesmo tempo; Maikon Leite no lugar de Mazinho (João Vítor, perdido no jogo, continuava em campo) e Luan no lugar de Cicinho. Achei ótimo que Maikon Leite fosse chamado pro jogo, mas não gostei nem um pouco que Mazinho tivesse saído e gostei menos ainda que Luan tivesse entrado.

E o nosso garoto Maikon Leite, mais uma vez iluminado, minutos depois de ter entrado, recebeu toque de calcanhar de Barcos, driblou o zagueiro e, de perna esquerda, chutou de fora da área, empatando a partida. Que gol lindo!!

O Palmeiras, que poderia ter saído com a vitória, passou a valorizar mais a bola, a trocar passes, mas, mesmo assim, foi várias vezes ao ataque; Maikon Leite estava esperto e levava perigo aos atleticanos, faltou pouco para a virada palestrina. Luan desperdiçou uma chance da maneira mais bizarra possível. Recebeu uma bola pela esquerda, sozinho, livre, avançou e… atrasou pro goleiro!  Deus me livre!

E o jogo terminou assim… A torcida dos poodles ficou brava, xingou seus jogadores e a do Palmeiras, aplaudiu a luta do seu time e saiu muito brava com o juiz. Não fosse ele, pra variar, teríamos saído com uma boa vantagem.

E, por falar em juiz…

Depois do jogo do Palmeiras, a Globo transmitiu Vasco e Gambazada. Um jogo que terminou 0 x 0, graças ao juiz e ao bandeirinha! Anularam um gol legítimo do Vasco, alegando impedimento.

Até aí, nem seria novidade, o “apito amigo gambá” é conhecido de todos e, não fosse ele, o time da Marginal não duraria muito tempo em determinados campeonatos.

Mas, o surreal, o inimaginável, ficou por conta da Rede Globo e seu tira teima. Já começou que ela não colocou o tira teima no ar logo após a anulação do gol do Vasco. Se é tira teima, porque esperaram até o final do jogo para mostrá-lo?

Claro que acharam “um pé” que justificava a anulação do gol. Claro que ninguém acreditou e achou que a imagem teria sido editada. E não é que a Globo, que costuma colocar o áudio da torcida dos gambás cantando, para dar a impressão que são a maior voz nos estádios (até o dia em que, na Ilha do Retiro, ficou clara a armação), manipulou o tira teima (não seria a primeira vez)? MAS QUE VERGONHA! QUESITO CREDIBILIDADE: NOTA ZERO!

Veja a imagem da Fox, no momento em que Diego Souza cabeceia a bola:

E agora a da Globo, onde a imagem parece ter sido congelada, após a bola já ter saído da cabeça de Diego Souza. Uma fraçãozinha de segundo que faz uma diferença enorme, favorecendo um clube e desfavorecendo outro. Muita “coincidência” que o clube a ser favorecido seja o mesmo de sempre:

E agora, a imagem com marcações, publicadas pelo site vascaíno:

Parece que as “forças ocultas” que querem atrapalhar o Palmeiras na Copa do Brasil, estão querendo, desesperadamente, que os gambás mudem de fase na Libertadores. E o que chama mais a atenção é a Rede Globo estar na “brincadeirinha” também. Afinal, se manipula até o tira teima, o que mais não poderá fazer para ajudar o time do Andrés (aquele mesmo, que afirmou que na emissora carioca só tinha bandido)?

Vamos ficar de olho nas próximas partidas…

  • Lidiane_freitas2011

    pois é, tania, se os gambas for campeão da libertadores é por causa da mafia do apito, oh quadrilha  a favor dos gambas,, o time de presidiario não é chamado assim a toa não.

  • Lidiane_freitas2011

    pois é, tania, se os gambas for campeão da libertadores é por causa da mafia do apito, oh quadrilha  a favor dos gambas,, o time de presidiario não é chamado assim a toa não.

  • Lidiane_freitas2011

    o palmeiras foi prejudicado e poderia ter ganho o jogo se não fosse  a mafia do apito.

  • Lidiane_freitas2011

    o palmeiras foi prejudicado e poderia ter ganho o jogo se não fosse  a mafia do apito.

  • Lidiane_freitas2011

    o valdivia foi agredido pelo tecnico do atletico, que deu uma cotovelada nele, não sei como o juiz viu, e aplicou o cartão vermelho, não sei como não expulsou o valdivia, foi milagre, porque existe uma marcação em cima do valdivia 

  • Lidiane_freitas2011

    o valdivia foi agredido pelo tecnico do atletico, que deu uma cotovelada nele, não sei como o juiz viu, e aplicou o cartão vermelho, não sei como não expulsou o valdivia, foi milagre, porque existe uma marcação em cima do valdivia 

  • Lidiane_freitas2011

    o barcos tirou o bigode e deu sorte,enfim fez um gol, ao contrario de valdivia que deixou o bigode crescer e deu sorte e fez o gol, foi uma coincidencia deles hein

  • Lidiane_freitas2011

    o barcos tirou o bigode e deu sorte,enfim fez um gol, ao contrario de valdivia que deixou o bigode crescer e deu sorte e fez o gol, foi uma coincidencia deles hein

  • Lidiane_freitas2011

    oi tania, conseguiu realizar meu pedido especial? sera que vou realizar meu sonho ,  vou falar com o valdivia? estou tão anciosa e nervosa 

  • Lidiane_freitas2011

    oi tania, conseguiu realizar meu pedido especial? sera que vou realizar meu sonho ,  vou falar com o valdivia? estou tão anciosa e nervosa 

  • Lidiane_freitas2011

    ah se o valdivia fosse solteiro, voce ia ser nosso culpido hein tania? risos.

  • Lidiane_freitas2011

    ah se o valdivia fosse solteiro, voce ia ser nosso culpido hein tania? risos.

  • Lidiane_freitas2011

    sei que pareço um pouco maluquinha, risos, mas é que o sorriso do valdivia é simplismente encantador, to mesmo maluca de paixão

  • Lidiane_freitas2011

    sei que pareço um pouco maluquinha, risos, mas é que o sorriso do valdivia é simplismente encantador, to mesmo maluca de paixão

  • Lidiane_freitas2011

    bom dia valdivia, bom dia tania

  • Lidiane_freitas2011

    bom dia valdivia, bom dia tania

  • Lidiane_freitas2011

    graças a essa mafia do apito, o palmeiras não podera empatar por 2 a 2 senão leva pros penaltis, se tivesse ganho  poderia perder até por um gol que se classificaria, eu to preocupada , espero que não de zebra.

  • Lidiane_freitas2011

    graças a essa mafia do apito, o palmeiras não podera empatar por 2 a 2 senão leva pros penaltis, se tivesse ganho  poderia perder até por um gol que se classificaria, eu to preocupada , espero que não de zebra.

  • Jimrussopoeta

    Alguém me explica duas coisas?

    Primeiro: por que na parte superior da imagem da fox o espaço entre a linha do tira teima até a linha de fundo é mais curto do que na parte de baixo?

    Segundo: na imagem baseando-se no bem elaborado ponto de fuga a linha corta o ponto entre o Alecsandro e o jogador do Corinthians, ou seja, Alecsandro está a frente da linha traçada que passa no pé (ou quase) do Sheik ou estou enganado?

    Que o Corinthians sempre tem suas vantagens com a arbitragem é verdade, agora nesse caso EU acho que o juiz acertou…

  • Jimrussopoeta

    Alguém me explica duas coisas?

    Primeiro: por que na parte superior da imagem da fox o espaço entre a linha do tira teima até a linha de fundo é mais curto do que na parte de baixo?

    Segundo: na imagem baseando-se no bem elaborado ponto de fuga a linha corta o ponto entre o Alecsandro e o jogador do Corinthians, ou seja, Alecsandro está a frente da linha traçada que passa no pé (ou quase) do Sheik ou estou enganado?

    Que o Corinthians sempre tem suas vantagens com a arbitragem é verdade, agora nesse caso EU acho que o juiz acertou…