CHAMA O CAMBURÃO, FELIPÃO!!



.
É como eu sempre digo… De onde não se espera nada é que não sai nada, mesmo!
.
Nós passamos tanto tempo reclamando da falta de atitude e  pulso de Della Monica e, mais tarde de Belluzzo, nos bastidores do futebol. Mas vejam só que bela dupla de “Bananas de Pijamas” estão se saindo Tirone e Frizzo.
.
Vamos disputar um clássico, diante do Corinthians (aquele mesmo do título comprado em 2005), valendo vaga na final do Paulistão, e Tirone e Frizzo permitem que o adversário escolha o juiz!!
.
Até poderia ser, caso esse mesmo juiz, não fosse o famigerado Paulo César Oliveira, que está cansado de roubar e prejudicar o Palmeiras. “Cansado”  é só força de expressão. Parece que, de nos prejudicar, esse sujeito não se cansa nunca.
.
E o mais absurdo e inaceitável é que O JORNAL DA TARDE, “PROFETICAMENTE”, ANTECIPOU O NOME QUE SAIRIA NO SORTEIO!! Pode? Vejam só a matéria de Luiz Antônio Prósperi:
.
.
Nosso presidente, além de escolher o Pacaembu, a pedidos da diretoria corintiana, e de um poderoso cartola (WHO?) que quis vetar o Morumbi, ainda aceitou que os adversários determinassem que o jogo seja apitado por um dos juízes que mais garfou o Palmeiras ao longo de sua história!!  Mas essa p…. é presidente do Palmeiras ou do time da Marginal sem nº? Bem se vê que esse pessoal, que costumava ser oposição, não está nem aí pro futebol, não acompanha o time e tampouco os campeonatos. Torcedores então, não são mesmo, e parece que tanto faz se vamos nos classificar, ou não! Só carregam sobrenomes italianos nos RGs e sangue de barata corre em suas veias. Dá até para pensar que o nosso presidente está fazendo um “agrado” ao seu mentor, o comedor de quibes e picanha.
.
Alguns dirão que os palestrinos são doidos, paranóicos e reclamam de tudo. Pois bem… olha só o naipe do juiz que a marionete do Sapo aceitou para apitar a nossa partida. Se formos prejudicados, a torcida já sabe muito bem que deve cobrar de Arnaldo Tirone e Roberto Frizzo (que agora diz não ter aceitado o nome de Paulo César Oliveira. Meio tarde, né?), esses moleirões.
.
Os dados abaixo foram retirados de um levantamento feito por  Fernando Galuppo. Mas não estão aqui, os números de um campeonato Paulista, de anos atrás, quando os cartões amarelos serviam para determinar um vencedor, caso os números na partida fossem iguais entre as equipes. O Palmeiras foi jogar contra o São Paulo, que já  tinha recebido bem mais amarelos que o Verdão. O árbitro amarelou vários palmeirenses, deixou de amarelar alguns são paulinos e fez a balança pender para os bambis. O Palmeiras foi desclassificado.
.
9/4/1997 – Palmeiras 2×1 Rio Branco-SP – Paulistão (1º fase)  /  Palestra Itália
Na vez em que PCO apita um jogo do Palmeiras, ele expulsa três jogadores nossos (Djalminha, Velloso e Sandro) de forma descontrolada e com um “excesso” de zelo. Interferiu diretamente no andamento da partida contra o Palmeiras.
.
25/2/1998 – Palmeiras 0x1 São Paulo – Torneio Rio São Paulo (semifinal) /  Brinco de Ouro
Na vez em que apita um jogo do Verdão, Paulo César de Oliveira expulsa o capitão do Palmeiras, o meia Zinho, e provoca uma instabilidade emocional nos jogadores que viram o adversário crescer na partida e eliminar o Palmeiras nos pênaltis.
.
17/4/1999 – Palmeiras 4×4 São Paulo – Paulistão (2º fase) / Morumbi
jogo do Verdão apitado por ele. Paulo César de Oliveira expulsa Agnaldo e Jackson. Marca um pênalti duvidoso contra o Palmeiras, quando a equipe vencia por 4 a 3, aos 37 minutos do segundo tempo, que foi convertido e originou o empate
.
9/5/1999 – Palmeiras 1×5 São Paulo – Paulistão (2º fase) / Morumbi
Paulo César de Oliveira expulsa Roque Junior e Jackson. Marca dois pênaltis contra o Palmeiras, o primeiro deles quando a partida estava 1 a 1 e o segundo quando o São Paulo já vencia por 2 a 1. Essa foi a vez que ele apitou uma partida do Palmeiras
.
30/5/1999 – Palmeiras 4×3 Portuguesa – Paulistão (2º fase) / Palestra Itália
Paulo César de Oliveira marca três pênaltis a favor da Portuguesa. O primeiro quando a partida estava 0 a 0. O Segundo quando o Palmeiras vencia por 2 a 1 e o terceiro quando o Palmeiras já vencia por 4 a 2. Foi a vez que ele apitou uma partida do Palmeiras
.
20/6/1999 – Palmeiras 2×2 Corinthians – Paulistão (Final – 2º jogo) / Morumbi
Paulo César de Oliveira expulsa o zagueiro Cléber. Não teve pulso para administrar uma confusão generalizada entre os jogadores e encerrou a partida antes do tempo regulamentar. Foi a vez que ele apitou uma partida do Palmeiras
.
7/5/2000 – Palmeiras 2×2 Corinthians – Paulistão (3º fase) / Morumbi
Paulo César de Oliveira expulsa o zagueiro Agnaldo aos 37 minutos do segundo tempo e aos 39 minutos o Corinthians empata a partida. Foi a vez que ele apitou uma partida do Palmeiras
.
27/8/2000 – Palmeiras 3×2 Santos – Copa João Havelange / Vila Belmiro
Paulo César de Oliveira expulsa Tiago Silva e Rodrigo Taddei, além de marcar um pênalti contra o Palmeiras que não foi convertido. Foi a vez que ele apitou uma partida do Palmeiras
.
9/12/2000 – Palmeiras 2×2 São Caetano – Copa João Havelange (4ª-de-final) / Palestra Itália
Paulo César de Oliveira marca um pênalti contra o Palmeiras numa falta fora da área quando estava 2 a 1 a favor do alviverde que foi convertido por César e  causou a eliminação da equipe palmeirense.  Foi a 10ª vez que ele apitou uma partida do Palmeiras
.
1/4/2001 – Palmeiras 1×3 Santos-SP – Paulistão / Vila Belmiro
Paulo César de Oliveira marca um pênalti contra o Palmeiras aos 8 minutos de jogo e expulsa Rodrigo Taddei. Foi a 12ª vez que ele apitou uma partida do Palmeiras
.
23/10/2002 – Palmeiras 2×2 Corinthians – Campeonato Brasileiro / Morumbi
Paulo César de Oliveira marca um pênalti contra o Palmeiras aos 25 minutos do segundo tempo, quando o Palmeiras vencia por 2 a 1. Foi a 14ª vez que ele apitou uma partida do Palmeiras
.
19/2/2003 – Palmeiras 2×2 Ponte Preta – Campeonato Paulista / Moisés Lucarelli
Paulo César de Oliveira expulsa o volante Claudecir aos 30 minutos do segundo tempo. Foi a 15ª vez que ele apitou uma partida do Palmeiras
.
5/2/2008 – Palmeiras 5×2 Bragantino –  Paulistão / Marcelo Stefani
Paulo César de Oliveira expulsa o goleiro Marcos, alegando na súmula que o goleiro do Palmeiras agrediu o atleta do Bragantino com um pontapé enquanto o mesmo estava deitado no gramado. (o próprio atleta do Bragantino foi ao tribunal isentar Marcos de agressão). Foi a 23ª vez que ele apitou uma partida do Palmeiras.
.
13/4/2008 – Palmeiras 1×2 São Paulo – Paulistão (Semifinal) / Morumbi
O São Paulo venceu o jogo graças a um gol de mão claríssimo e intencional do atacante Adriano, validado pela arbitragem de Paulo Cesar de Oliveira (que confirmou ter visto o toque) e da bandeirinha Maria Eliza Correia Barbosa. Esta ainda deu impedimentos contra o Palmeiras inexistentes. Foi a 24ª vez que ele apitou uma partida do Palmeiras.
.
31/5/2009 – Palmeiras 2×2 Barueri – Campeonato Brasileiro / Arena Barueri
Paulo Cesar de Oliveira expulsa o volante Wendel do Palmeiras. Foi a 25ª vez que ele apitou uma partida do Palmeiras.
.
21/1/2010 – Palmeiras 2×2 Barueri – Paulistão / Eduardo José Farah- Presidente Prudente
Arbitragem desastrosa.  No segundo gol marcado pelo Grêmio Barueri, marcado aos 14min do segundo tempo, o atacante Tadeu cobrou um pênalti na trave e, no rebote, a bola voltou para um jogador dos donos da casa, que tocou para Tadeu completar para as redes. Apesar de o autor do gol estar em posição ilegal, o lance foi validado pelo árbitro e pelo assistente, que estavam próximos à  jogada. Paulo César Oliveira tomou um gancho de 5 jogos pela lastimável atuação. Seu assistente também foi punido. Foi a 26ª vez que ele apitou um jogo do Palmeiras.
.
Nossa Comissão Técnica deve ter “adorado”… Pois, como vocês podem ver, esse “senhor” adora expulsar jogadores do Palmeiras, marcar pênaltis inexistentes e até validar gol de mão, MESMO TENDO VISTO A INFRAÇÃO! Já apitou 26 partidas do Palmeiras em sua carreira. Os números são alarmantes:
.
Assinalou 11 pênaltis contra o Palmeiras
Expulsou 16 atletas do Palmeiras
O Palmeiras ganhou apenas 8 vezes com ele no apito
O Palmeiras empatou 11 vezes com ele no apito
O Palmeiras perdeu 7 partidas com ele no apito
.
Dá para entender porque os dirigentes corintianos querem esse árbitro, não é mesmo? MAS ALGUÉM CONSEGUE ENTENDER COMO, OU A TROCO DE QUÊ, TIRONE E FRIZZO ACEITARAM ESSE ACORDO, DISFARÇADO DE SORTEIO?
.
Nosso time vai ter que se desdobrar para jogar contra os 11 da Marginal sem nº , reforçados pelo juizinho safado.  Nossos mais badalados craques que se cuidem… E os bananas do Palmeiras, que tratem de levar o camburão para o Pacaembu! É bem capaz que o tal sujeito precise dele para sair…
  • @nandamd

    …e mais uma vez vamos ter q jogar contra 12!!!Até agora tô boquiaberta com esta história toda…deste “sorteio”!!!Já vi q pra domingo vou ter q comprar um desfibrilador,rs(rindo,pra não chorar)

  • Tânia, tem um dado errado no seu post. O último jogo não foi contra o “Barueri” e sim contra o “Grêmio Prudente”. Foi em Presidente Prudente e eu estava lá, bem atrás do gol, na hora que ele fez essa cagada. Não tenho palavras para explicar o que eu senti na hora. Ele deu o gol com a maior autoridade e de forma inflexível.

    Não sei o que vai acontecer no domingo, mas pelo que ele faz em todos os jogos do Palmeiras, vai expulsar jogadores (preferencialmente zagueiros) e marcar pênaltis imaginários. Ainda assim confio no elenco do Palmeiras, em especial na força que o Kléber proporciona a todo o time, principalmente no quesito emocional. Os gambás não possuem um líder como ele. Acredito que ele e o Felipão serão os diferenciais nesta partida.

    Ah, tome um calmante antes porque provavelmente o Valdívia vai apanhar MUITO.

    • Andresa,

      Era o primeiro jogo do Grêmio Barueri (que viraria Grêmio Prudente), em sua nova casa, Presidente Prudente.
      Vamos ter que tomar muito cuidado com esse árbitro salafrário. Mas temo que ele acabe expulsando os jogadores mais talentosos, aqueles que fazem a diferença.
      Não sei como a nossa diretoria aceitou esse pilantra (muito fácil agora eles falarem que não o queriam), ainda mais sendo uma partida só.
      Vamos ter que jogar muito mais e rezar muito mais tb!

      Um abraço
      Tânia Clorofila

  • Se prepara Tânia!

    Domingo vai ser foda! Eles vão ter o árbitro do lado deles, nós teremos a nossa maravilhosa torcida!

  • Haroldo Rodrigues

    Acho que o juiz não vai influenciar no resultado, mesmo que influencia o Palmeiras ira passar por cima dos corintianos!

  • esse juiz hoje ele roubou o palmeiras 26 vezes

    deu cartão vermelho a danilo injusto

    deu cartão vermelho ao luiz felipe scolari

    prejudicou muito o palmeiras