Quando entrar Dezembro… Janeiro…

É muito difícil atravessar os ‘Dezembros’ e ‘Janeiros’ palestrinos…

E o torcedor, qual barquinho de papel na enxurrada, vai sendo levado pelas revoltas e malévolas “águas” dos espertalhões da impren$inha e, neste ano eleitoral, pelas marés de promessas sem-vergonha de gente que, do Palmeiras, só quer o poder.

O torcedor que, ao longo desses anos de tanta incompetência administrativa, vai perdendo títulos, vai perdendo a confiança, o sono, o sorriso, agora parece que perdeu também a memória… Caramba, todos os anos é a mesma coisa! E será que em todos os anos vamos nos comportar da mesma maneira? Vamos acreditar em todas essas bobagens? De novo essa ‘pataquada’ toda de contratações mirabolantes, para depois ver chegar uns ilustres desconhecidos de futebol mais desconhecido ainda?

Saudade da Parmalat gerenciando o futebol do Palmeiras… Sem alarde, sem “circo”, quando menos esperávamos uma nova contratação já estava treinando… Não havia promessas, não havia novelas…  O que vemos agora é apenas manobra eleitoreira, e tão velha quanto o carro do Fred Flintstone. Não respeitam mais  o torcedor palestrino, o maior patrimônio que a Sociedade Esportiva Palmeiras possui.

O ano está no fim, não ganhamos nada, não temos dinheiro, nossos melhores jogadores estão sendo covardemente achincalhados  por dirigentes, que não medem esforços para jogar a torcida contra eles. Uma clara tentativa de se livrar do que temos de melhor no time e recheá-lo com os trastes de sempre. Além disso, teremos eleições para presidente e o orgulho desmedido dos candidatos acabará levando a oposição ao poder,  como tanto tememos nós.  Palaia não tá nem aí pro Palmeiras, pelo que pudemos perceber na sua entrevista. Quanto a Paulo Nobre , se ele não colocar o Palmeiras acima do orgulho e ceder um pouquinho,  vai levar o despreparado Tirone direto para a cadeira em que ele, Paulo Nobre,  gostaria de sentar.  Parece que o fim do mundo será em 2011…

Acho que é hora da gente rever alguns conceitos, conceitos esses que estão nos trazendo muitos prejuízos. VEJAMOS… Ano passado, muitos jogadores eram cotados para fazer um bom Campeonato Brasileiro. Mas imagina se os exigentes torcedores palestrinos iriam querer no Palmeiras atletas como Branquinho, Jonas, Rodriguinho, Bruno César… Claro que não! Para vestir o manto com a nossa total aprovação só serviam atletas como Sóbis, Alex, Marcelo Moreno, Juninho Pernambucano… Embora, neste ano, eu não tenha prestado muita atenção,  pelo que dizem, parece que as apostas agora estão no Vitória (Elkesson e Junior), no Avaí (Roberto) e mais alguns clubes sem muita expressão… Mas continuamos repetindo o comportamento e sonhamos com… Ronaldinho Gaúcho e Adriano!!! Quando cairmos das nuvens, pela 876.985.432ª vez, sabe onde vamos acordar? Na UTI de uma fila, ainda maior , por títulos!!

Nossa equipe não foi bem em 2010, porque faltaram jogadores para compor o time. Em quantas partidas jogamos com atletas improvisados? Sem contar a falta de um atacante de qualidade, além de Kleber. Quantas vezes vimos Tadeu, Dinei, Rivaldo… serem colocados em condições de marcar e desperdiçarem a oportunidade pela falta de intimidade com a bola? E  a falta de qualidade no banco? Assim não dá, né? Estamos sempre nos desfazendo dos melhores jogadores e enchendo o time de tranqueiras. NÃO VAI FUNCIONAR NUNCA! Seria tão mais fácil a diretoria fazer o óbvio: manter os bons jogadores e completar o time com a garotada da Base. É uma fórmula vencedora que já funcionou muitas vezes em outros clubes.

Foi o que vimos acontecer em 2002 com o Santos, não é mesmo? O clube estava quebrado e, sem jogadores suficientes até para montar a equipe, teve que subir a garotada da Base. Todo mundo sabe o que aconteceu depois. Entrou no campeonato Brasileiro, como um coitadinho, fadado ao descenso, e terminou a competição como campeão. Jogando um futebol de primeira graças aos moleques da Base Diego e Robinho, graças à contratação “mixuruca” de Elano, junto a um time pequeno.

Foi o que vimos com o Palmeiras em 2003. Jogados na segundona pelo “ruim e barato” de Mustafá Contursi, sem ter como contratar, tivemos que nos utilizar da garotada. E muitos deles deram um banho de futebol e vontade de ganhar. Voltamos à Série A com muita competência.

O Palmeiras pode muito bem fazer o mesmo neste início de temporada. Na verdade, é necessário! Marcos, Deola, Bruno, Vitor, Danilo, Edinho, Gabriel, Fabrício, Tinga, Marcos Assunção, Kléber, Vinícius, Lincoln, Valdívia já estão no time e, em minha opinião, devem ser mantidos. Aos demais: um abraço e até nunca! A molecada vai completar o time e o banco. Temos jogadores muito melhores na base do que os que vemos ser ventilados por aí como futuras contratações do Palmeiras. Thiago Heleno e Everton Santos (que recusou o Palmeiras para ir para os gambás com a seguinte declaração: “Cu rintia é Cu rintia”) são de matar o torcedor de desgosto. Mais uma vez, vemos que não há planejamento. Vão contratar qualquer coisa que aparecer.

Todos os times sobem os jogadores da Base. POR QUE O PALMEIRAS, NÃO? CHEGA DE CONTRATAÇÕES EQUIVOCADAS, FEITAS DE ‘BACIADA’! Que benefício nos trouxeram Robert (que ainda é o nosso artilheiro do ano), Paulo Henrique, Bruno Paulo, Tadeu, Henrique (lateral), Dinei, Luan, Ewerthon, Rivaldo…? Contratações que serviram apenas como maquiagem. Maquiagem vagabunda que derreteu aos primeiros passes e toques na bola.

Espero que Belluzzo, ao sair, nos deixe pelo menos um time, de verdade, para atravessarmos 2011. Que tenha pulso e peito para manter os jogadores que foi buscar com tanto sacrifício. Que tenha coragem para colocar ordem nessa bagunça ocasionada pelos seus péssimos parceiros na administração do Palmeiras, que jogam o nome do clube no lixo à cada declaração desrespeitosa dirigida aos seus próprios atletas. Que tenha uma conversa franca com Felipão para que, finalmente, o talento palestrino que surge em nossa casa, nunca mais seja desperdiçado brilhando com outra camisa. Que faça pelo Palmeiras, nas suas últimas semanas como presidente, pelo menos um pouquinho do que prometeu, e por falta de coragem, não conseguiu cumprir…

É AGORA OU NUNCA MAIS BELLUZZO! SEU TEMPO COMO PRESIDENTE DO PALMEIRAS ESTÁ SE ESGOTANDO. DESCE DESSE MURO, PORRA!

E, antes que eu me esqueça: CALA A BOCA, PESCARMONA! CALA A BOCA, GALEANO!!!