Buona Pasqua a tutti!!!

Estamos na Páscoa…
Época de renascimento, de recomeço…
De renovar as esperanças e partilhar a vida…

Assim começava o texto que escrevi há dois anos atrás… Nunca essas palavras fizeram tanto sentido para nós palestrinos, quanto agora. Quando comemoramos a ressureição do espírito mais iluminado que por aqui passou, não podemos deixar de nos lembrar do nosso Palmeiras. Ele precisa mais do que nunca renascer. Mas não é só no sentido de conquistar as vitórias que o recolocarão no caminho que tanto queremos. É preciso que o Palmeiras renasça dentro do coração de cada palmeirense, em todos os cantos do planeta. Que renasça na boa vontade dos que o dirigem, e no comprometimento dos que defendem as suas cores.

Há exatos dois anos, comemorávamos a Páscoa em sua plenitude. Time e torcida estavam renovados, renascidos em alegrias e esperanças. Hoje, ao contrário daquela Páscoa tão feliz, vivemos um período de incertezas, de desconfiança, tristezas… Só as esperanças, continuam a caminhar conosco. Hoje, ao nos lembrarmos da Páscoa de 2008, o nosso coração fica apertado, a nossa saudade reclama aquele “coelhinho” que tantas alegrias nos deu, os nossos corações revivem aquele campeonato mágico…Tínhamos tantos e bons jogadores; no Depto Médico não havia um atleta sequer; o time que entrava em campo esbanjava raça, fibra e talento. Como as coisas mudaram… Quantos acertos se transformaram em erros e quantos erros cometidos, não podemos mais consertar.

No jogo de hoje, diante do Oeste, não reconheceríamos o Palmeiras, não fosse o manto. O futebol ruim, a garotada ainda sem ritmo, e o campo completamente impráticavel, ditaram o ritmo da partida, onde nada aconteceu. Não nos é possível avaliar o rendimento de nenhum dos nossos meninos, uma vez que a água, em quantidade absurda, só não brilhou mais que os 3.560 heróis da arquibancada, mas impediu que aparecesse o provável bom futebol da nossa garotada.

Mas estamos na Páscoa! Agora é tempo de recomeçar! De dizer sim ao amor e à vida! De nos tornarmos pessoas melhores! É tempo de renascer!

Mais uma vez, como ocorreu quando ganhamos o Paulistão/08, o time campeão terá que ser forjado, com muita luta, muito sacrifício, coletivo e individual. A nossa diretoria vai ter que repetir o trabalho de “formiga incansável” que foi feito naquele ano tão feliz. Vamos ter que cuidar direitinho da safra de bons e jovens jogadores que se formou. São frutos, nascidos no Palestra, é preciso amadurecê-los com cuidado. Agora é hora de reerguermos esse monumento, conhecido como “O Campeão do Século”. É hora de, juntos, fazermos valer cada palavra do nosso Hino… Alviverde Imponente… defesa que ninguém passa… linha atacante de raça…Torcida que Canta e Vibra…

Vamos lutar outra vez! Fazer tudo de novo! Juntos, time e torcida,  renascerão  quantas vezes forem necessárias! O amor que sentimos pelo nosso “Parmera” nos faz cada vez mais fortes e mais unidos!

Buona Pasqua Famiglia Palestrina!!  Que a Paz e o amor que vieram nos ensinar há mais de dois mil anos,  estejam conosco hoje e sempre.

  • @Nananre(Renan)

    Buoníssima a todos nós Tânia.Novo maravilhoso post.Parabéns…Bj.

  • Nelson da Cunha

    Aproveito o ensejo e a oportunidade de seu texto para desejar a você, Tania, votos de uma feliz e profícua Páscoa, passagem, mudança, tranformação de um estado de angústia e sofrimento para o da esperança renovada. Um grande beijo,

    Prof. Nelson Cunha

  • Julio

    Já não me é surpresa: belíssimo texto!!

    Boa páscoa à você também, palestrina PALESTRINA mesmo:

    ” Agora é hora de reerguermos esse monumento, conhecido como “O Campeão do Século”. É hora de, juntos, fazermos valer cada palavra do nosso Hino… Alviverde Imponente… defesa que ninguém passa… linha atacante de raça…Torcida que Canta e Vibra…”

    Perfeito!!!!

    Abraços,

    Júlio

  • alcides drummond

    Que o renascimento do mestre faça renascer nossas vidas e as nossas maiores esperanças. Entre estas, o nosso amado Palmeiras. Que este ano seja só de alegria para nós, palmeirenses. Um abração a você Tânia e parabéns pelo belíssimo texto. Alcides

  • Ivo Pacheco

    Tania. Te admiro demais pelos seus comentarios e pela persistencia em estar sempre escrevendo alguma coisa.
    Tenho tambem um blog, que deixei de postar qualquer comentario desde que o time começou essa ladeira abaixo. Confesso a voce que não tenho um pingo de vontade de escrever ou discutir futebo até que o meu verdão volte.
    Eu sei q

  • Oi Ivo,

    Obrigada por acessar o Blog.
    Achei interessante você comentar sobre a minha persistência em continuar escrevendo, mesmo em tempos ruins como esse que atravessamos agora.
    Mas sabe, eu escrevo apenas quando tenho algo que preciso dizer. Nunca escrevo por nenhum outro motivo. Se estou feliz e quero gritar aos ‘quatro cantos’ a minha felicidade, eu corro pro Blog. E, quando estou triste, ou muito brava com o time, venho correndo prá cá desabafar as minhas mágoas.
    Agora, quanto a discutir futebol, estou igual a você… sem vontade nenhuma…

    Vamos aguardar… NOSSO VERDÃO VAI VOLTAR!!

    Saudações Clorofiláticas!!