Apesar do juiz… Verdão no peito e na raça

Nós poderíamos ter saído da Arena da Baixada com os três pontos. Mas, o bandeira não deixou. Contra o Nacional fomos roubados e hoje, mais uma vez, nos garfaram. O time começou bem nos primeiros minutos, dando a impressão que vinha com tudo. Aos 8′, Diego deixou K9 na cara gol, mas ele chutou fraco em cima do goleiro. E o Verdão que parecia tão ofensivo, voltou ao normal rapidinho. Como sempre faz,  vai esbarrando na marcação adversária, deixando o ‘inimigo’ gostar do jogo e o torcedor cada vez mais desapontado. Luxa, que só inventa, escalou Jumar, ao invés de Souza. Ele ainda deve acreditar que Jumar será o melhor volante do Brasil… ai meu Deus… E o primeiro tempo não foi nem de longe o que o palestrino esperava.

Mas uma coisa era verdade, o time estava com disposição. Mas de nada adianta disposição se os erros são inúmeros e constantes. Uma hora é abarreira mal formada, outra hora é o jogador desconcentrado, desatenção em laterais, na marcação. Até o Santo reclamou disso depois, porque ele sabe que faz uma diferença danada, no final das contas. O juiz, também não agradava. Quando o Palmeiras voltou para a segunda etapa, Obinae Ortigoza estavam no time nos lugares de Diego e Willians.

Começou o segundo tempo e tomamos um gol, logo de cara. Haja paciência, amigo palestrino! Seis minutos e já estamos no prejuízo? Ai, Luxemburgo! Até quando? Nosso time tá sem criatividade no meio-campo, e não adianta termos três atacantes. E depois a torcida vai cobrar de Keirrison. E, sem criatividade, melhor seria apostar no erro do adversário, não é mesmo? E o Palmeiras começou a buscar. Mas Luxa, acertadamente (antes tarde do que nunca), sacou Jumar para a entrada de Sacconi. Aí, sim, as coisas começaram a funcionar e o Palmeiras começou a ‘cutucar’ os poodles. Aos 23′, Obina, que saiu quase do meio de campo, correu em direção ao goleiro do Atlético, para tentar o desarme. O goleiro se atrapalhou e Obina, na raça, roubou a bola e tocou com ‘catiguria’ para empatar a partida. É isso aí, Obina! Embora muitos de nós torçam o nariz ao atacante, não podemos fazer de conta que não percebemos as suas qualidades. É ‘fuçador’, raçudo, forte e, de vez em quando faz umas coisas de deixar a gente boquiaberto. O torcedor palestrino ficou animado. O time jogava bola, que é só o que queremos, poxa! Mas, aos 34′, o juiz marcou uma falta, que a meu ver não existiu. Marcinho cobrou por cima da barreira e guardou. Era o Verdão no prejuízo, outra vez…

O Palmeiras, muito motivado, continuava buscando. A raça aparecia em cada jogada. Keirrison, jogando bem, dividindo, buscando jogo. E aos 39′ Obina brilhou! Recebeu uma bola na área e, de bicicleta, afundou as redes do Atlético. Golaço! Um dos mais bonitos do ano! Só que o bandeirinha anulou. Nos garfou! Assinalou impedimento,quando era claro que Obina saira de trás da zaga. Os jogadores do Verdão reclamaram, mas o juiz acatou o “erro” do bandeira. Que raiva que dá, ser roubado em tudo quanto é jogo!  Ah, diretoria! Tome as providências necessárias para dar um basta nisso. Não aguentamos mais.

 Mas eu disse que o time tava raçudo, não disse? Tava na cara que eles não queriam perder, de jeito nenhum. O jogo acabando e o Palmeiras em cima. Uma emoção danada. E o torcedor gosta é disso, de ver o time buscando, lutando. Pierre dividindo até sem chuteira. Graaaande Pierre! As chances aparecendo e sempre tinha um pé prá tirar, o goleiro prá pegar. Aos 46′, Ortigoza pegou uma sobra e chutou forte. A danada da bola parou na trave.  VAAAAAAI, PALMEIRAS!!! Eu acreditava, mas o tempo estava acabando. E se o juiz apita?

Aos 48′, um bate-e-rebate dos diabos lá na área dos poodles, a bola não entrava até encontrar K9. Ele chutou e empatou!!! Seu primeiro gol na Arena da Baixada. É o artilheiro do campeonato. Nosso garoto! Que emoção! A gente não sabe se grita, se pula e faz tudo ao mesmo tempo. Ai meu Deus,ilumine o Luxemburgo, tá ‘facinho’ de acertar esse time. É só ele querer.  Vamos apoiar o time, Nação! Vamos cobrar de Luxa que escale os melhores e esse time vai dar samba. Tem que dar! E cá entre nós, não contem prá ninguém, mas K9, Obina e Ortigoza, ainda vão dar o que falar…

 

  • Bruno

    Concordo Tânia, tá ‘facinho’ acertar o ALVIVERDE, o esquema tem que ser 4-4-2 (não adianta tentar 3-5-2 sem líbero), não concordo com as críticas ao K-9, o cara é o artilheiro DO BRASIL no ano (24 gols), já é o artilheiro do Brasileirão e vai fazer muito gol pelo VERDE, Ortigoza tem que ficar, tem uma raça incrível sempre produz e bota fogo no jogo, Danilo está acertando cada vez mais(fez falta ontem), Pierre É SELEÇÃO, Cleiton Xavier é o maior “assistente” do futebol brasileiro, Willans precisa recuperar a forma física, mas já mostrou sua capacidade, Diego Souza está muito bem este ano, enfim, temos um time promissor, capaz de brigar pelo título, temos que apoiar o PALESTRA, a turma do “quanto-pior-melhor” está equivocada, está fazendo o jogo da imprensinha e dos inimigos do PALMEIRAS

  • alcides drummond

    Tânia

    Graças a Deus fui bem de viagem e aqui estou novamente em seu blog, como de costume.

    Devagarinho as coisas vão chegando ao lugar. Não existe time que só ganhe de 5 e nós temos que dosar as nossas cobranças. K9 melhorou com Obina e Ortigoza. Eu diria que ele fez, no 2°tempo um bom jogo. Marcou o dele e ponto. Obina fez dois, mas só valeu um. Ele não só esteve presente em todos os gols como tocou fogo no jogo. Eu não sei, mas vejo K9 melhor como garçom do que como finalizador, embora, pelas suas características, ele possa exercer bem os dois papéis.
    Só fiquei triste com a garfada, mas fiquei satisfeitíssimo com a garra e com a pegada do time, principalmente no segundo tempo. Creio que estamos melhorando e que vamos ter grandes alegrias ainda este ano. Um grande abraço.

  • Aversa

    Pra mim, titulares só são Marcos, Wendell, Maurício e Danilo (por falta total de opção) e Pierre.
    Do resto, ninguém tá livre de banco. E de quem tá fora acho que o Souza e o Ortigoza já deveriam estar dentro.
    Não sei, talvez o Keirrison melhore com Obina e Ortigoza mas ou jogam os 3 ou o Keirrison poderia ir descansar no primeiro tempo. E acho que Diego Souza e Cleiton Xavier no mesmo time não dá. Um está atrapalhando o outro. Sobre o Cleiton, acho que ele está meio Pedrinho. Não se coloca outro no lugar porque o cara joga bem e pode estourar. No caso do Pedrinho não se contratava outro. Acho que ele embora não comprometa, também não resolva e aí não abre espaço no time para usarmos Lenny, Wilians, Sacconi, Marquinhos e companhia. Acho que o time deu uma melhorada nos dois últimos jogos e passaríamos sem problemas pelo Estudiantes, mas para mim, titular absoluto só Marcos, Wendell, Danilo e Maurício por absoluta falta de opções, e o Pierre. E Souza e Ortigoza já estão merecendo muito mais chances. Vamos ver contra o Santos.